Frictional Games é mesmo mestre naquilo que faz. A empresa é especialista em criar jogos aterrorizantes. Jogos repletos do mais puro horror, e que são capazes de fazer com que até o mais corajoso dos jogadores seja obrigado a correr em direção ao interruptor mais próximo e acender as luzes. Foi assim com Amnesia: The Dark Descent e certamente será assim com sua sequência, Amnesia: A Machine for Pigs.

Em tempos em que novos jogos pertencentes a franquias que outrora “brincavam” bastante com o medo, com a incerteza e com a tensão (além de serem bastante imersivos) chegam ao mercado apenas como meros shooters nos quais temos basicamente de atirar contra monstros, zumbis e similares, a Frictional vai na contramão e cria jogos aterrorizantes, dotados de atmosferas extremamente sombrias e que deixam o protagonista indefeso em meio à escuridão, sem sequer lhe dar uma simples faca para se defender.

Amnesia: A Machine for Pigs

Por incrível que possa parecer (não para mim, pois vejo altíssimo valor neste estilo de jogo), a série Amnesia é um sucesso, e Amnesia: A Machine for Pigs está sendo desenvolvido com a colaboração da The Chinese Room (Dear Esther). Um novo trailer do jogo foi hoje divulgado (além de novas screenshots), aliás, e ele deixa bem claro que o pessoal não está para brincadeira. Segundo Thomas Grip, da Frictional, entretanto, Amnesia: A Machine for Pigs não é uma sequência direta de Amnesia: The Dark Descent (leia nossa segunda entrevista com o chefão da desenvolvedora).

Tomas ainda diz o seguinte:

Este game também irá tentar assustar o jogador tanto quanto possível. Ele utilizará alguns novos truques para isto (os quais, infelizmente, não posso divulgar), e se eles irão funcionar melhor que The Dark Descent é algo que nós teremos de aguardar para ver.

Amnesia: A Machine for Pigs

Se você jogou o jogo anterior da série, sabe que esta frase ao mesmo tempo é altamente empolgante e assustadora. Parece que a intenção é lançar algo ainda mais assustador, e você já imaginou um título mais assustador que o primeiro Amnesia? Durante nossa última conversa, Thomas também divulgou algumas informações sobre seu próximo jogo.

Haverá um industrial chamado Oswald Mandus que, pelo que parece, também sofrerá de amnésia. Hoje mais informações a respeito foram liberadas, e o nome de uma empresa, a “Mandus Meat Processing Company”, foi mencionado. A frase “the swine are rising” também é mencionada, e creio que nem precisamos traduzi-la, não é?

Para melhorar ainda mais as coisas, veja só o que a Frictional Games tem em mente: eles querem que tenhamos medo (como se já não imaginássemos isso). De certa maneira, todos temos a chance de participar de Amnesia: A Machine for Pigs. Basta gravarmos nossos gritos de terror, nossos gemidos, nosso choro, nossas exclamações de horror, etc (fica a dica: compre o primeiro Amnesia por US$ 4,99 no Steam, jogue, vá gravando suas reações e participe).

Amnesia: A Machine for Pigs

Sua contribuição poderá fazer parte da trilha sonora do próximo jogo: envie o (preferivelmente) assustador arquivo de áudio (formatos Wav, Ogg ou MP3) para piggies[arroba]thechineseroom.co.uk e boa sorte. O novo trailer de A Machine for Pigs é um verdadeiro convite ao horror.

Um convite para uma festa que acontecerá em uma noite chuvosa, em um enorme salão escuro, e durante a qual teremos de usar fones de ouvido. Abaixo você pode conferi-lo, mas antes gostaria de falar a respeito de outro jogo de terror. Outro título também muito apropriado para o Dia das Bruxas.

Enola, um jogo de terror de El Salvador

Game Enola

Enola é um jogo atualmente em desenvolvimento pelo estúdio “The Domaginarium“, sediado em  El Salvador. Ainda em fase alfa, o jogo contém, é claro, diversos bugs. Mas posso dizer que ele é bastante promissor, e está, aliás, em promoção no GamersGate, por apenas US$ 2,50 (seu preço normal é US$ 9,99). Quem comprar já pode sair jogando.

Game Enola

Trata-se de um jogo de horror muito apropriado para quem gosta de exploração, e é possível até mesmo enxergarmos nele algumas semelhanças com Amnesia: The Dark Descent: a escuridão, os efeitos visuais, a ausência de armas (pelo menos até onde joguei). A “The Domaginarium” liberou uma nova versão do jogo, e através dela um nível extra foi incluso, além de novos efeitos sonoros e uma nova trilha sonora.

O jogo conta com uma ambientação muito bacana, vale ressaltar, e apesar de não possuir gráficos de ponta, gráficos “super-ultra-mega-power” lindos, etc, pode nos provocar bons sustos. Aliás, Amnesia: The Dark Descent também possui este “problema”, e nem por isso deixa de ser um ótimo jogo, não é?

Enola “brinca” com todos os sentimentos que podem ser provocados pela isolação extrema. Nele, você acorda em uma ilha misteriosa, sozinho, e não sabe nada a seu próprio respeito. Claro, conforme você vai jogando, coisas estranhas vão acontecendo e você percebe que não está tão sozinho assim. Algo escuro e maligno também habita aquele ilha, e o jogo conta também com puzzles e exige que o jogador procure por pistas tendo em vista descobrir os mistérios que o circundam.

Game Enola

Ah, Enola também conta com um enredo bem interessante, e você se depará até mesmo com uma história de amor. Tudo isto, aliado ao fato do isolamento e do ambiente misterioso, faz com que a experiência seja bem interessante (pelo menos para os amantes do gênero). Muitas vezes este tipo de jogo pode provocar reações de medo como resposta a eventos que, na verdade, nada têm de assustador. Isto também é muito bacana.

Vale lembrar também que se você adquirir a versão alfa de Enola, terá direito a todos os futuros updates. Enola também já está no Steam Greenlight. Eu já votei, pois fui capturado pela ideia. É sempre bom perceber o quão interessante está se tornando o “cenário”, se assim podemos dizer, de jogos de horror. Mais interessante ainda é perceber que a “volta às raízes” está sendo promovida por pequenos estúdios.

Game Enola

Horror, isolamento, ausência de armamento, medo provocado pela incerteza, pavor antes de dobrar a próxima esquina, extrema tensão, vontade de sair correndo, de acender as luzes, sustos quando menos se espera, sombras para todos os lados: adoro tudo isto em um jogo eletrônico. E a Frictional Games e a “The Domaginarium” parecem estar se esforçando bastante para nos trazer experiências altamente focadas no horror.

Veja abaixo um trailer de Enola e também o novo trailer de Amnesia: A Machine for Pigs:

Enola:

Amnesia: A Machine for Pigs

OBS: a respeito do título do artigo, não, infelizmente, Amnesia: A Machine for Pigs ainda não está entre nós. Mas mesmo assim ele é capaz de nos assustar.

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest