Gosto muitíssimo da franquia Assassin’s Creed. Estou jogando Assassin’s Creed: Brotherhood no momento e a experiência está sendo fantástica. Belo game. Bela franquia. Personagens extremamente cativantes. Um enredo para o qual temos de tirar o chapéu. A Ubisoft realmente tem, até agora, uma verdadeira jóia rara nas mãos, e mesmo a inserção de multiplayer em Brotherhood, ao contrário do que eu pensava, não foi algo ruim. Confesso que jogo de vez em quando e gosto bastante, pois é algo bem diferente.

Há alguns dias atrás, “aparentemente acidentalmente”, a Ubisoft revelou através da página oficial de Assassin’s Creed no Facebook o nome do próximo jogo da série: Assassin’s Creed: Revelations. Havia até um link para um site que continha uma mensagem um tanto quanto estranha, solicitando que as pessoas clicassem em um link para darem uma olhada em algo exclusivo do próximo Assassin’s Creed.

Tudo isto foi retirado do ar, e agora você pode clicar em “Like”, na página da série no Facebook, para visualizar algumas informações que, de certa forma, não dizem muita coisa. Aparentemente, quanto mais gente clicar no botão “Like”, mas rapidamente novidades serão liberadas. Antes do tal site sair do ar, alguns fãs puderam ler que mais detalhes sobre o novo e (por enquanto) hipotético jogo serão revelados na próxima Game Informer, em 13 de Maio de 2011.

O mesmo website acima mencionado continha uma mensagem em árabe, a qual foi traduzida e menciona o protagonista do primeiro Assassins’s Creed:  Altair. É claro que, se for lançado um novo game dentro da série Assassin’s Creed, e se levarmos em consideração a tal mensagem em árabe com o nome de Altair, é possível supormos que este será o protagonista. Mas neste caso, como a Ubisoft iria arranjar as coisas no tocante à sequência dos fatos, por exemplo?

Onde ficariam Desmond e Ezio, por exemplo? O que estará planejando a desenvolvedora francesa? Eu adoro a franquia. Até o momento, o título que me provocou mais imersão foi Assassin’s Creed II. Foi um salto e tanto, aliás, do 1 para o 2. A Itália renascentista é belíssima, e o estilo mundo aberto ajuda muito, e ao mesmo tempo atrapalha, pois você “perde” muito tempo observando construções, monumentos, etc. Estou passando pelo mesmo  “problema” em Brotherhood.

Vamos aguardar por mais detalhes sobre Assassin’s Creed: Revelations, nome, aliás, muito intrigante. De qualquer forma, acredito que o lançamento ocorra em 2012. Aliás, espero que a franquia não vire mais uma “série anual”, repetindo as mesmas fórmulas e caindo na mesmice.

(Via:  ComputerAndVideoGames)

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest