Atropelamentos e (talvez) polêmica: Carmageddon chega ao GOG

Carmageddon

Carmageddon, lançado em 1997 e desenvolvido pela Stainless Games, é um jogo que já foi (e ainda é) alvo de muita polêmica e/ou discussões acaloradas. Um jogo de corrida no qual pode-se dizer que a velocidade foi relegada a segundo plano, pelo menos quando pedestres se encontram no caminho. Destruição de outros veículos também faz parte da experiência, é claro. O título chegou inclusive a ser proibido no Brasil, por falar nisso (mas isto não é nada surpreendente).

E este controverso jogo da Stainless Games foi hoje lançado no GOG, livre de qualquer DRM e contendo uma série de extras muito bacanas, como por exemplo manual, trilha sonora, artes conceituais e wallpapers. O pacote Carmageddon Max Pack inclui também a expansão Splat Pack, e custa US$ 9,99. E por falar nisso, vale também lembrar da campanha iniciada pela desenvolvedora no Kickstarter, para Carmageddon: Reincarnation. A campanha arrecadou mais de 625 mil dólares, sendo que o objetivo eram 400 mil (é, o pessoal anda mesmo com “sede de sangue” :) ).

Bem, o Carmageddon Max Pack oferece novamente aos jogadores do mundo todo a oportunidade de atropelar, bem, velhinhas (dentre outros seres, é claro). Apesar de seu lado sangrento, do massacre gratuito de pedestres, vacas, etc, ou até mesmo da possibilidade de destruir outros veículos, inclusive os da polícia, Carmageddon foi (e ainda é) um título que muita gente no mundo todo adora. Bem, e será que existem mesmo motivos para que o jogo seja execrado?

Aliás, não duvido nada de que este lançamento, e até mesmo o Carmageddon: Reincarnation, faça com que novos protestos surjam, pois nem todas as pessoas conseguem separar o mundo virtual do mundo real e entender que um psicopata em um jogo eletrônico não precisa ser, obrigatoriamente, um psicopata na realidade.

Ainda existe gente que acha que combater representantes virtuais de determinados grupos extremistas é algo absurdo, ou que ter a liberdade de puxar o gatilho (ou não) em um shooter (lembra da fase “No Russian, em Modern Warfare 2?) e atirar contra inocentes faz parte de um treinamento para futuros assassinos.

Infelizmente ainda hoje temos de conviver com polêmicas absurdas envolvendo jogos eletrônicos. Polêmicas originadas por determinadas situações nos games que possuem diversos equivalentes em outras mídias, como o cinema, por exemplo, com a diferença de que aí tudo é tolerado (pelo menos na grande maioria das vezes).

De qualquer forma, o jogo já está lá, no GOG.com. Por US$ 9,99 você pode adquirir o direito de matar vaquinhas, velhinhas, pedestres e ainda se divertir com isto. E lembre-se, o sangue é apenas virtual.

Poderá gostar também

6 Comments

  1. A venda do Carmageddon chegou a ser proibida no Brasil, assim como Counter Strike e até, pasmem, Everquest.

    O Counter Strike foi proibido por causa do CS Rio, um mapa criado por um brasileiro, que se inspirou em favelas do Rio de Janeiro.

    Pensei que, passados quatro anos, as coisas tivessem mudado, mas o caso recente do Deputado Protógenes e o filme TED me fizeram mudar de idéia.

    Reply
    • @Hideki T,

      Verdade. Hehehehe. Esse tipo de coisa ronda as mentes de nossos políticos até hoje…rs Puxa, joguei o CS_rio pra caramba. Me lembro até hoje das “músicas” que tocavam nos rádios da favela. Agora, sobre o Protógenes: lamentável, mesmo. Ridículo…rs

      Reply
  2. Nunca joguei, conheci o jogo só pela polêmica, mas ele me lembrou muito o filme Death Race 2000 que tem o David Carradine e o Sylvester Stallone (e recentemente teve um remake com o Jason Statham)

    Reply
    • @FrankCastle,

      Eu joguei um pouco. Só falta proibirem o acesso ao GOG a partir do Brasil devido a esse jogo…hehehehehe :)

      Reply
  3. Joguei muito, me inspiro nele quando vou dirigir hahaha… brincadeiras a parte, o jogo é bem legal, acho que o melhor carro era um caminhão com uma pá na frente vc quebrava carros com muita facilidade

    Reply
    • @Otavio Chiquito,

      Opa, cuidado com essa inspiração aí…hehehehehe :)

      Bem legal mesmo. Não joguei muito, mas pude me divertir um pouco. Agora com o lançamento no GOG, vamos ver…rs

      Reply

Trackbacks/Pingbacks

  1. Não perca: baixe Carmageddon para seu iPhone ou iPad de graça! - [...] título lançado em 1997, no qual a corrida em si pode não ser o objetivo principal. O jogo foi lançado …

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>