O sensacional jogo Bastion, da Supergiant Games, já pode ser jogado através de seu navegador web. Isto é, desde que você utilize o Google Chrome. O game está disponível na Chrome Web Store, e realmente proporciona a mesma qualidade gráfica que a versão normal para PC, vendida no Steam, por exemplo, oferece.

Bastion foi o game que abriu o Xbox Live Summer of Arcade 2011, e é um jogo realmente fantástico, no qual um narrador fala quase que o tempo todo a respeito dos acontecimentos “in-game”, chegando a mencionar determinadas situações aparentemente sem importância. O título conta com gráficos realmente belos, e é um RPG de ação extremamente cativante.

O lançamento de Bastion na Chrome Web Store foi possível devido à tecnologia nativeclient, a qual permite que diversos tipos de aplicativos rodem diretamente no navegador. Até mesmo um jogo como Bastion, jogo que requer pelo menos uma placa de vídeo dedicada com 512 MB de memória. Devido ao fato de que é necessário realizar login junto à sua “Google Account”, é possível salvar seu progresso na nuvem e, assim, continuar jogando em qualquer computador com acesso à internet. Claro, sempre utilizando o Google Chrome.

Bastion também custa US$ 14,99 na Chrome Web Store, e esta versão conta com um nível de dificuldade opcional e mais fácil. Também é possível testar o game, é claro. Tudo isto me leva a pensar que, talvez, dentro de pouco tempo, os navegadores também serão importantes “janelas para jogos eletrônicos”. A Epic já demonstrou uma demo técnica de Unreal Tournament 3 rodando no Adobe Flash Player 11. A Unreal Engine 3, aliás, suporta totalmente o Adobe Flash Player 11.

A Adobe chegou a mencionar que o Flash Player 11 é capaz de “rodar games ‘AAA’ desenvolvidos para consoles de última geração ou PC, por exemplo“. O lançamento de Bastion para o Google Chrome talvez faça parte de algo que no futuro será comum. Jogos com gráficos de ponta, quem sabe, rodando em navegadores web e dando ao usuário a chance de salvar seu progresso na nuvem, algo que o Steam já proporciona há bastante tempo e a Microsoft só agora resolveu implementar.

Cada vez mais a indústria de jogos eletrônicos me surpreende.

(Via: The Escapist)

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest