Defenda seu mundo alien a partir de hoje, em Anomaly Defenders

Defenda seu mundo alien a partir de hoje, em Anomaly Defenders

Já escrevi a respeito de Anomaly Defenders, da 11 bit studios, e é muito bacana saber que o jogo está sendo lançado hoje, para PC, Mac e Linux, sendo que versões para iOS e Android chegam em breve, segundo a desenvolvedora. Trata-se do capítulo final da franquia Anomaly. E aqui tudo será invertido, de uma forma nunca antes vista na série. Ao invés de encarnarmos os humanos, encarnaremos os alienígenas que tantos problemas nos causaram nos títulos anteriores da série. Estaremos no planeta alienígena, seremos alienígenas, utilizaremos tecnologia alienígena, e teremos de lidar com uma invasão humana. Teremos de lutar contra seres humanos. Como já de costume quando se trata desta talentosa equipe polonesa, os gráficos do jogo estão muito bonitos. Se você gosta de estratégia e de tower defense, este jogo é um must have. Acho muito bacana, falando nisso, quando determinados estúdios resolvem modificar gêneros já consagrados, introduzir novas mecânicas, sair do lugar comum, dar seu toque pessoal. Estilos de jogos que, talvez, há tempos não viam nenhuma novidade, podem ser renovados, digamos. Receber uma grande lufada de ar fresco. A 11 bit studios fez isso com Anomaly: Warzone Earth, e está fazendo novamente. Ou melhor, já fez. Anomaly Defenders deve ser liberado dentro de algumas horas, no Steam, e o preço divulgado é US$ 9,99 (vamos ver quanto ele custará em Reais). Certamente será bastante interessante defender um mundo alienígena na pele de aliens que já causaram bastante estrago a um outro certo planeta. Um planeta que é lar de seres já cansados, que resolvem se vingar e lançar um último e decisivo ataque. Conseguirão os alienígenas...
Ubisoft anuncia Far Cry 4 para  PS4, PS3, Xbox One, Xbox 360 e PC

Ubisoft anuncia Far Cry 4 para PS4, PS3, Xbox One, Xbox 360 e PC

A Ubisoft anunciou Far Cry 4, o qual será lançado para Playstation 4, Playstation 3, Xbox One (com ou sem Kinect), Xbox 360 e PC, ainda este ano. Mais precisamente no dia 18 de Novembro de 2014. Pelo que tudo indica, o lançamento será simultâneo para todas as plataformas. Quem se maravilhou (e ainda se maravilha) com aquele fantástico FPS lançado em 2012 (Far Cry 3), já pode ir se preparando. Tudo indica que mais um jogo incrível está à caminho. Se você “perdeu” bastante tempo em FC3, liberando postos avançados, agindo como um caçador de recompensas e lidando com os diversos animais selvagens presentes no título, muito provavelmente já está bastante ansioso. Assim como eu. Desta vez, nada de Jason Brody ou Vaas Montenegro (infelizmente, não é?), mas tudo bem, os jogos da franquia sempre foram desconectados uns dos outros. Não se sabe nada, ainda, a respeito do novo protagonista, mas a gigante francesa já forneceu alguns detalhes a respeito do enredo.   Far Cry 4 será ambientado em Kyrat, uma belíssima e perigosa região nos Himalaias. Lá, o protagonista terá de lidar com um cara que se autoproclamou rei. A Ubisoft menciona também que Far Cry 4 será um jogo de mundo aberto, da mesma forma que seu antecessor. Ela também promete entregar “a experiência Far Cry mais expansiva e envolvente até hoje“. “Após o sucesso de Far Cry 3, queríamos levar a franquia ao próximo nível e criar um jogo que vai surpreender os jogadores e superar as expectativas dos fãs. Dado o cenário único, sentimos que Far Cry 4 vai se destacar como um FPS de...
Anomaly Defenders: lute contra humanos em seu planeta alienígena

Anomaly Defenders: lute contra humanos em seu planeta alienígena

Quem  gosta de tower defense certamente já ouviu falar e/ou jogou algum dos jogos do estúdio polonês 11 bit studios. Esses caras são bastante criativos, e desenvolveram alguns títulos muito bacanas, como por exemplo Anomaly: Warzone Earth, Anomaly Korea (primeiramente lançado para dispositivos móveis e depois para Windows, Mac e Linux), e Anomaly 2. Eles também anunciaram um game muito interessante, há alguns dias atrás, chamado This War of Mine, e eu recomendo que você fique de olho nele. A proposta é muito bacana e diferente. Bem, e hoje a 11 bit studios anunciou outro game. Trata-se de Anomaly Defenders, e nele, podemos dizer que o jogo será, quem sabe, virado. Em Anomaly: Warzone Earth a Terra foi invadida por alienígenas, e os jogadores controlam forças que devem derrotá-los. Tudo isto ocorre de uma forma bem diferente e que distingue o game de outros tower defense, o transformando, talvez, em algo como um “tower defense ao contrário”. Neste título controlamos grupos de soldados, blindados, comboios, etc. Devemos destruir as torres criadas pelos alienígenas, plantadas nos mapas. Anomaly Korea continua com mecânicas semelhantes, e em Anomaly 2 temos de lutar em um planeta Terra devastado pela guerra. Um mundo no qual os alienígenas, vamos dizer assim, “mandam”, e a raça humana está quase indo para o beleléu. Aqui também controlamos os soldados, os comboios, e não as torres, e podemos utilizar inclusive mechs, os quais são extremamente úteis. Mas Anomaly Defenders mudará as coisas. Aqui, nós controlaremos a raça alienígena que invadiu a terra. Nós lutaremos contra os seres humanos. Foram duas guerras, afinal de contas, e a raça humana se cansou. A desenvolvedora menciona que a humanidade, já bastante...
Daylight é adiado para ficar mais assustador (novo trailer)

Daylight é adiado para ficar mais assustador (novo trailer)

Infelizmente, o lançamento do jogo de horror Daylight foi adiado. Originalmente programado para 08 de Abril de 2014, o jogo chegará ao PC e ao Playstation 4 um pouco mais tarde, em 29 de Abril. Mas tal adiamento é para os devidos polimentos no título, que fique bem claro, e sendo assim, eu, pelo menos, não reclamo. Muitas coisas em Daylight serão geradas de forma procedural, e esta é uma das causas do adiamento, segundo a Atlus: “O modo que Dayligh é desenvolvido é completamente diferente, devido à sua geração procedural. De muitas maneiras, isto realmente ajudou a equipe, ao facilitar a criação dos ambientes, mas tempo extra é necessário para garantir que todas as deixas para sustos sejam devidamente implementados, para que o jogador obtenha o máximo efeito“. A Atlus também menciona o seguinte (tremei, jogadores 😉 ): “Estamos realizando ajustes finos em Daylight para torná-lo mais assustador“. Será realmente Daylight tão bom assim, capaz de provocar os mesmos sustos e arrepios que um Amnesia: A Machine for Pigs, dos mestres da Frictional Games? Sinceramente, não sei, mas espero que sim. Aliás, Daylight me lembra, em alguns momentos, de Outlast, outro bom título desta nova safra de jogos de horror que anda chegando ao mercado. A empresa por trás do desenvolvimento do game é a Zombie Studios, responsável, por exemplo, por Blacklight: Tango Down, jogo que me deixou extremamente animado, na época, mas que me frustrou completamente, após seu lançamento. Haverá alguns benefícios extras para quem adquirir o jogo de terror da Zombie Studios antecipadamente. Realizando a compra antecipada agora, no Steam, por exemplo, podemos pagar R$ 16,74, ao invés de R$ 24,99 (são 8 reais a menos)....
Watch Dogs e a imersiva, conectada e “hackeável” Chicago

Watch Dogs e a imersiva, conectada e “hackeável” Chicago

Será Watch Dogs algo tão fantástico quanto a Ubisoft promete? Por que será que o lançamento deste game foi adiado, realmente? Terá GTA V e seu enorme e fantástico mundo aberto algo a ver com isso? O fato é que Watch Dogs é um dos jogos que aguardo com mais ansiedade este ano. Inicialmente programado para Novembro de 2013, o jogo acabou sendo adiado. Deverá ser lançado em 27 de Maio de 2014, para Xbox 360, Xbox One, PS3, PS4 e PC. Nele, teremos uma Chicago, segundo a Ubisoft e pelo que tudo indica, imersiva, conectada e “hackeável”. Vidas de cidadãos comuns estarão ao nosso alcance: informações, interações, etc. Dados pessoais poderão ser obtidos e, pelo que parece, poderemos obter um certo poder dentro daquele universo, decidindo o que fazer com determinadas informações. No papel de um cara chamado Aiden Pearce, teremos muita ação e poder. Teremos um grande mundo aberto, também. Este jogo, talvez, poderá até mesmo servir como alternativa àqueles que não gostam da franquia GTA e de seu universo de criminosos (não que Pearce caminhe totalmente dentro da lei, claro ). Haverá também bastante espaço para ação furtiva, mas também poderemos “quebrar tudo”, se necessário. Gráficos “next-gen” também farão parte do pacote, e o último trailer de Watch Dogs, divulgado pela Ubisoft, provoca ainda mais ansiedade, pelo menos naqueles, como eu, que estão à espera do título. Sim, este é o jogo que aguardo com mais ansiedade em 2014. Nem mesmo GTA V foi capaz de reduzir minha vontade de nele colocar as mãos. De nele imergir. As possibilidades mencionadas no trailer abaixo são fantásticas. Espero que tudo isto esteja...
Para ficar de olho: Satellite Reign, RTS em um mundo cyberpunk

Para ficar de olho: Satellite Reign, RTS em um mundo cyberpunk

Satellite Reign pertence a um gênero de jogo que eu aprecio bastante. Guardadas as devidas ressalvas, diferenças e proporções, ele me lembra também de Door Kickers, Jagged Alliance: Back in Action e Frozen Synapse, por exemplo. O jogo foi financiado através do Kickstarter. Arrecadou £461,333, sendo que a meta era £350,000. O título será lançado para Windows, Mac e Linux, inclusive no Steam. Trata-se de um jogo de estratégia em tempo real no qual poderemos utilizar soldados de diferentes classes, cada um com suas respectivas e diferentes habilidades. Desenvolvido pela australiana 5 Lives Studios, Satellite Reign é obra de gente que já trabalhou em games como, por exemplo, Syndicate, GTA IV e Darksiders II. Nele, poderemos agir de diferentes maneiras para abordar uma mesma situação. Ação furtiva? Entrar arrebentando com tudo? O jogador decide. Você decide. Eu decido. No controle de um grupo de quatro agentes (de 4 classes diferentes), estaremos em um mundo cyberpunk muito bonito e interessante, pelo que parece, e teremos em nossas mãos grande liberdade para agir, segundo os desenvolvedores. Poderemos criar diferentes estratégias, explorar os elementos do cenário e também customizar nosso grupo de soldados como bem desejarmos. Poderemos criar “estratégias e cenários que nem mesmo os desenvolvedores esperavam“, diz o pessoal da 5 Lives Studios. A cidade parece viva, segundo tudo indica, e Satellite Reign, se tudo correr conforme esperamos (eu pelo menos espero), poderá ser um ótimo jogo de estratégia. Muitos falam, inclusive, em algo como um sucessor espiritual de Syndicate Wars. Instalações poderão ser invadidas, por exemplo, com a utilização de força bruta ou mediante hacking. Espionagem e infiltrações poderão ser, também, uma constante. Até mesmo influenciar os cidadãos a...
Estúdio de Anomaly anuncia This War of Mine: o outro lado da guerra

Estúdio de Anomaly anuncia This War of Mine: o outro lado da guerra

“Na guerra, nem todo mundo é um soldado“, diz a 11 bit studios no press release que anuncia seu próximo jogo. Trata-se de This War of Mine, e diferentemente de seus jogos anteriores, como por exemplo Anomaly: Warzone Earth e Anomaly 2, teremos aqui algo bem diferente. Não teremos super soldados, guerreiros experientes nem grupos de elite. This War of Mine tentará mostrar o outro lado. Um lado distante de operações militares de grande porte e de gerenciamento de recursos. A 11 bit studios agora trabalha em um game com uma temática mais obscura, onde os jogadores controlarão civis que tentam se manter vivos em uma cidade cercada. Os riscos incluem até atiradores de elite à espreita durante o dia, impedindo as fugas. No novo jogo do estúdio polonês, os jogadores terão que arranjar tempo e, com cuidado, construir itens, realizar negociações, melhorar seus abrigos e, claro, cuidar de seu povo. Já o período noturno será mais apropriado para vasculhar áreas próximas em busca de recursos, como por exemplo alimentos, armas, etc. A desenvolvedora também menciona que TWoM apresentará aos jogadores decisões difíceis, as quais poderão resultar em boas ou más consequências para o grupo. Tentar proteger a todos, custe o que custar, ou sacrificar alguns em prol de um bem maior, por exemplo? Segundo as palavras do estúdio, não existirão nem boas nem más decisões durante a tal guerra. Existirá apenas a sobrevivência. Interessante. “Isto pode acontecer em sua cidade, em seu país. Ao desenvolver um novo jogo, nos deparamos com um artigo que descrevia como um homem sobreviveu em uma cidade sitiada. Nós estudamos suas dificuldades e o horror daquela experiência. Decidimos trabalhar ao...
Drácula, Konami e bancos de sangue querem… o seu sangue!

Drácula, Konami e bancos de sangue querem… o seu sangue!

Acho muito bacana quando este tipo de ideia surge. Melhor ainda quando é posta em prática. Quando publishers, desenvolvedoras e outras empresas se unem para promover campanhas bacanas que, além de fornecerem brindes aos participantes, ainda ajudam a quem precisa. Neste caso, quem precisa de sangue. De doações. Bancos de sangue, etc. “Nem só os vampiros precisam de sangue para viver“, é o que diz a Konami Brasil, e é claro que isto tem tudo a ver com seu último jogo, Castlevania: Lords of Shadow 2. Aliás, finalizei seu antecessor por esses dias e adorei. O que temos aqui é uma campanha de doação de sangue que vai de 12 a 30 de Março. Os participantes podem se dirigir a qualquer banco de sangue em São Paulo-SP ou no Rio de Janeiro-RJ, realizarem a doação, e assim fazendo, ganharão brindes exclusivos (enquanto durarem os estoques, portanto, seja rápido 😉 ). Para participar, é simples. Basta doar o seu sangue. Ao fazer isto, você receberá um certificado de doação, e é este certificado que deverá ser levado até um dos postos de troca* para a devida retirada dos brindes. Em relação aos brindes, o primeiro dele é um adesivo temático. Para obtê-lo, basta doar seu sangue e apresentar nas lojas participantes da promoção: Fnac; Saraiva; Americanas; E se você realizar a doação de sangue e adquirir Castlevania: Lords of Shadow 2 nas lojas acima, apresentando o tal certificado, você também ganha uma camiseta exclusiva do game. Bacana, não? E a promoção também vale para quem realizar a compra online, através dos sites das lojas: basta ir a uma loja física e apresentar o certificado de...
Pág 3 de 169« Primeiro...34...1015...Último »

Pin It on Pinterest