O RPG Cyberpunk da CD Projekt RED, na verdade Cyberpunk 2077, com certeza será algo no mínimo muito bacana. A empresa divulgou mais detalhes a respeito do jogo, bem como seu primeiro teaser trailer. Tudo parece estar caminhando muito bem, e as informações e o próprio vídeo são capazes de deixar qualquer fã de um bom RPG e/ou da empresa polonesa com “água na boca”.

Em um futuro bastante negro, a tecnologia avançada convive lado a lado com uma sociedade decadente, e corpos dotados de diversas melhorias cibernéticas (alguém aí se lembrou de Deux Ex: Human Revolution?) acabam se transformando em um grande problema, muitas vezes causando caos e devastação.

Cyberpunk 2077

A história acontece em uma cidade cheia de megacorporações e criminalidade, chamada Night City. Violência e drogas também ajudarão a formar um pano de fundo nada luminoso, e o personagem principal, nascido nas ruas, tentará sair da podridão e sobreviver. Temos aqui um futuro nada amistoso, no qual a pobreza será ao mesmo tempo parte e ao mesmo tempo causadora dos problemas, sendo que grande parte da população será totalmente dependente de novas tecnologias.

Haverá também uma nova forma de entretenimento, neste futuro nebuloso retratado por Cyberpunk 2077. Viciados encherão as ruas. Viciados nesta tal nova diversão. Trata-se da braindance, e através dela qualquer pessoa poderá, de certa maneira, experimentar a vida de outros seres humanos. Um morador de rua será capaz de “viver” as experiências de um milionário, por exemplo. A braindance nada mais será que gravações digitais de experiências vividas pelos outros.

Uma augmentation especial chamada BD Player será a responsável por tornar estas experiências possíveis, enviando a transmissão diretamente ao sistema nervoso do “expectador”. Diversos processos cerebrais poderão ser registrados e experimentados. Movimentos e emoções alheios farão parte da “brincadeira”. Tudo o que o “gravador” sentiu, enfim. Veja aqui um interessante PDF divulgado pela  CD Projekt RED, contendo argumentos de dois usuários.

Obviamente tal tecnologia será também capaz de trazer grandes problemas. As tais megacorporações criarão braindances “sob medida”. Pacotes de entretenimento avançados, digamos, que permitirão que os usuários sintam tudo aquilo que um explorador sentiu durante suas aventuras, por exemplo. E haverá, é claro, um lado negro. Gravações ilegais originadas no submundo do crime. A possibilidade de, por exemplo, entrar na mente de um assassino em série e sentir tudo o que ele sentiu durante as matanças.

Cyberpunk 2077 nos apresentará viciados em emoções. Viciados nas vidas dos outros. Pessoas que terão um desejo imenso de ver e ouvir diversos atos de outras pessoas. Não somente isto. Não somente ver e ouvir: sentir. Viver, ou reviver. O mundo de Cyberpunk 2077 parece mesmo bem obscuro, e multidões desgostosas com suas próprias vidas sempre estarão ávidas por viver a vida de outras pessoas (me pergunto quantas pessoas não desejariam algo assim, já em nossos dias).

Cyberpunk 2077

O primeiro teaser trailer do jogo é realmente muito bonito. Nele, podemos observar uma mulher em meio a um tumulto. Uma mulher repleta de modificações cibernéticas em seu corpo, aliás. O trailer também mostra a polícia em ação, juntamente com o grupo de elite Psycho Squad.

Este tal grupo de elite é especializado na captura de psychos, indivíduos que, trocando em miúdos, perderam o controle devido às altas doses de substâncias e augmentations que têm por objetivo aumentar sua força, torná-los diferentes e/ou alterá-los de alguma maneira.

É justamente assim, também, que o Psycho Squad adquire novos membros. Chega um momento, aliás, em que os corpos das pessoas que utilizam implantes cibernéticos em excesso começam a se rebelar. Se rebelar contra si próprios. É uma luta entre a máquina e o orgânico. Uma luta, aliás, que acaba saindo fora dos limites, e os “ciborgues” acabam então por se tornar violentos, malucos, matando pessoas indiscriminadamente.

A CD Projekt RED promete um jogo maduro e não linear. Poderemos nos mover livremente, também, pois o título será de mundo aberto. A data de lançamento do RPG ainda não foi divulgada, infelizmente. Mas trata-se de um título extremamente promissor, em minha opinião. Enquanto isso, fique com o belo trailer:

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest