Dead Island foi um dos jogos que aguardei com mais ansiedade em 2011. Mundo aberto, história interessante, gráficos belíssimos, zumbis, elementos de um RPG, etc. Tudo o que eu gosto este jogo contém, e pude confirmar a qualidade do “pacote”  assim que comecei a jogar, apesar dos bugs iniciais. O jogo é simplesmente fenomenal, pelo pouco que joguei até agora (cerca de 6 horas). Não sei porque, entretanto, ainda não consegui me dedicar a ele como gostaria. Infelizmente, joguei o ótimo game da polonesa Techland pela última vez há mais ou menos 2 meses atrás, e o pior é que vontade de jogá-lo não me falta.

Isto pode ser culpa da grande quantidade de jogos que tenho na fila? Ok, pode. Mas, sendo sincero, este não é o motivo. O fato é que, não sei por que, não consegui me envolver com Dead Island, apesar de ter gostado de quase tudo nele, até o ponto onde joguei. É claro que pretendo mudar este fato e finalizar o título pois, além de tudo, sei que estou perdendo um ótimo jogo. E por falar em Dead Island, a publisher Deep Silver anunciou hoje um novo DLC para o título. Desta vez, trata-se de um DLC “com história”.  Com conteúdo que expandirá a história do game. O novo DLC se chamará “Ryder White” e será lançado em 01 de Fevereiro de 2012, para Playstation 3, Xbox 360 e PC, e custará 10 dólares

“Ryder White” permitirá que os jogadores obtenham uma nova perspectiva dos acontecimentos no título, através dos olhos do antagonista no game. Será possível jogar como Ryder White e descobrir mais a respeito de suas motivações, utilizando seu ponto de vista e conhecer diversas coisas interessantes a respeito do personagem e da história do jogo.

O personagem será mostrado tanto como um militar quanto como um marido dedicado, e a Deep Silver menciona que este novo DLC introduzirá uma nova campanha singleplayer no game, a qual durará várias horas e será repleta de reviravoltas. Não somente isto: o DLC também tornará Ryder White um personagem jogável também na campanha principal de Dead Island.

Sei que devo voltar novamente a Banoi, e este DLC será, portanto, uma meta a ser perseguida. Certamente irei jogá-lo, assim que finalizar o game principal. Não me lembro de ter experimentado algo assim, antes: não jogar determinado título apesar de desejar jogá-lo com grande vontade. Dead Island tem tudo o que eu gosto. Já joguei algumas horas. Pude matar zumbis de diversas maneiras. Completei diversas quests. Observei os gráficos sensacionais do título e o maravilhoso espetáculo que a ilha paradisíaca de Banoi representa.

Já participei de algumas partidas cooperativas. Gosto do jogo. O que falta, então? De qualquer forma, vamos aguardar pelo DLC “Ryder White”. Veja abaixo mais algumas screenshots do DLC:

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest