The Walking Dead, da Telltale, é uma série que revitalizou os jogos estilo point-and-click, trazendo novidades até então não vistas no gênero, incluindo a possibilidade de realizarmos escolhas que são capazes de alterar o desenrolar da trama.

Em diversos momentos, aliás, The Walking Dead levou (e continua levando) os jogadores a um ápice emocional tremendo. Trata-se de uma franquia repleta de acontecimentos dramáticos, de personagens com os quais nos importamos de verdade (o que vez ou outra acaba também resultando em perdas verdadeiramente tristes).

The Walking Dead: The Final Season é na verdade o quinto lançamento da franquia (sem contar com o DLC 400 Days). O jogo trará uma Clementine mais madura e em vias de se tornar uma grande líder, agora também cuidando de outra pessoa de maneira mais próxima, quem sabe de maneira similar àquilo que vimos no passado, em sua relação com seu pai.

The Walking Dead: The Final Season

A Telltale promete várias novidades para o lançamento, incluindo uma nova câmera e a possibilidade de explorar mais profundamente os ambientes, agora mais detalhados, sem falar em novos visuais.

Pois bem, durante a semana passada foi lançada uma demo do game para PlayStation 4 e Xbox One, através de suas respectivas redes online. E à partir de hoje tal demo está disponível para PC, através do Steam, segundo o site Rock, Paper, Shotgun.

A demo (link para a página no Steam) oferece apenas 20 minutos de jogo (infelizmente), e ocupa cerca de 2.4GB de espaço em disco. Através dela, poderemos experimentar um pouco do capítulo final da série, controlando esta tal Clementine madura e certamente interessante.

Vale lembrar que a Telltale também disponibilizou há algum tempo atrás uma espécie de “criador de histórias“, para que os jogadores sejam capazes de alterarem suas decisões, por exemplo, antes de encararem as aventuras finais em The Walking Dead: The Final Season.

O “Story Builder” permite que escolhas diferentes sejam feitas, nos títulos anteriores da franquia, além de possibilitar a entrada de novatos na série, uma vez que ele permite uma espécie de recapitulação de todos os momentos importantes, gerando a partir daí, então, os necessários saves (ele também funciona para quem, por qualquer motivo, perdeu os saves anteriores).

É claro que encarar as aventuras finais de Clementine sem nunca ter jogado um game da série não é lá muito recomendável, mas a ferramenta ainda assim é valiosa e interessante, principalmente em casos de “sinistro” ou em situações em que o jogador deseja rever algumas de suas decisões (de qualquer forma, eu prefiro jogar e viver com aquilo que já escolhi).

E não se esqueça: The Walking Dead: The Final Season sai no próximo dia 14 de Agosto, para PC, Xbox One e PS4.

Pin It on Pinterest