Sniper Elite: Nazi Zombie Army é um jogo da Rebellion. Sim, a mesma desenvolvedora de Sniper Elite V2, lançado em meados de 2012. Desta vez, porém, a desenvolvedora britânica agiu sozinha, e lançou o jogo por conta própria. O jogo conta com zumbis e com um Hitler enlouquecido (mais ainda) que resolve colocar em prática um tal de “Plan Z”.

Em Sniper Elite: Nazi Zombie Army o jogador também entra na pele do agente Karl Fairburne. As mecânicas do jogo são praticamente idênticas às do game de 2012. O novo título lembra bastante o anterior, também, inclusive no que diz respeito aos gráficos. Claro, espere também por ambientes soturnos, escuridão e gritos assustadores no meio da noite.

Aqui nossos inimigos são zumbis, e se você pensa que os tais zumbis nazistas são passivos e/ou nada mais fazem que formarem bandos enormes e correrem em nossa direção, espere até encontrar zumbis snipers (que inclusive podem saltar de um prédio ao outro) e alguns grandalhões de olhos vermelhos que atiram contra você e são um osso bem duro de roer.

Ao contrário do que pode parecer a princípio, o jogo é muito divertido. Muito mesmo, e se você se manteve longe dele devido ao fator “+ ação – stealth”, talvez seja melhor olhar tudo com mais carinho e/ou cuidado e até mesmo, quem sabe, incluí-lo em sua wishlist (fica aqui uma recomendação 😉 ).

A Rebellion conseguiu criar algo único, interessante e viciante, e a “capa podre” proporcionada pela presença dos zumbis na verdade funciona como algo que torna o jogo até mesmo mais fácil e leve, por incrível que pareça (para muita gente, a dificuldade de Sniper Elite V2 e de seu antecessor pode ter sido bem incômoda).

O jogo é muito bonito, também, além de contar com a X-Ray Kill Cam, através da qual podemos acompanhar a trajetória do projétil e sua entrada nos corpos dos inimigos. Bem, sua entrada no que restou dos corpos dos inimigos, pois estamos lidando com zumbis, com mortos-vivos, lembre-se.

Sniper Elite: Nazi Zombie Army

A X-Ray Kill Cam aqui é bem semelhante à de Sniper Elite V2: a diferença é que podemos observar o estrago causado pela bala em corpos e órgãos podres. O jogo, na verdade uma expansão standalone, também possui suporte a co-op para até 4 jogadores. E o negócio, aqui, é encarar zumbis nazistas durante a Segunda Guerra Mundial utilizando diversos tipos de armas e tomando bastante cuidado.

Diferentemente de Sniper Elite V2, Sniper Elite: Nazi Zombie Army não oferece muito espaço para ação furtiva. Em diversos momentos, os zumbis são tantos e tão diferentes, e avançam tão rapidamente, que o mais apropriado é sacar a metralhadora ou a pistola e partir para cima deles com tudo. Nada nos impede, entretanto, de agir de forma tal a maximizar a utilização do rifle de precisão. Muito pelo contrário: agir visando abrir espaço para tiros de longa distância (granadas também estão disponíveis) com esta arma é possível e bastante divertido.

As trip mines e as minas terrestres são aqui muito mais úteis, até, do que no próprio jogo anterior da série. Tudo depende do estilo do jogador, claro, mas elas podem nos ajudar a lidar com grandes quantidades de zumbis. Em alguns momentos, agindo assim e cobrindo possíveis brechas, podemos até mesmo nos entrincheirar no alto de velhas construções ou igrejas e então, com uma segurança maior, utilizar o rifle de precisão para dar cabo de dezenas de soldados mortos que perambulam mais abaixo.  Vale lembrar que em alguns momentos determinados mortos-vivos podem “retornar à vida”, o que pode ser bastante perigoso, dependendo da situação.

Enfim, o jogo é bacana. Muito bacana. Mais um jogo que utiliza zumbis em sua temática e que se sai muito bem, oferecendo ao jogador desafios interessantes, jogabilidade muito boa, gráficos bonitos e aquela ótima “câmera com raio X” que sempre rende momentos bem interessantes. Explosões gosmentas e entranhas apodrecidas: a X-Ray Kill Cam nos oferece doses cavalares disto tudo.

Gravei um vídeo de gameplay de Sniper Elite: Nazi Zombie Army, no qual foquei bastante na utilização do rifle de precisão e na X-Ray Kill Cam. Dê uma olhada:

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest