Confesso que minha experiência com Silent Hill no meu velho Playstation 1 foi, digamos, fantásticamente aterrorizante. Aquilo era um jogo para jogarmos, certamente, à noite, no escuro, com todas as janelas fechadas e no maior silêncio possível. O único som existente deveria ser o proveniente da televisão. Que jogo. Jamais me esqueço do aterrozizante hospital, aliás. Dos momentos de susto. Das transformações do ambiente que o tornavam algo ainda mais maléfico.

O oitavo título pertencente à série Silent Hill, chamado Silent Hill: Downpour, será lançado até o final de 2011, para Xbox 360 e Playstation 3 (pena terem deixado o PC de fora, no lançamento). Silent Hill: Downpour chegará com a promessa de trazer a série de volta às suas origens, e realmente espero que isto aconteça. Em desenvolvimento pela Vatra Games, empresa responsável pelo recente Rush’n Attack: Ex-Patriot, Downpour me parece bem promissor.

No jogo, o protagonista se chama Murphy Pendleton, um presidiário que, devido a um acidente com o ônibus que o transportava, acaba chegando até a maléfica cidade. Segundo a Konami, Pendleton terá de percorrer um novo ambiente que é, ao mesmo tempo, grande mas ainda assim possui um certo elemento claustrofóbico. Talvez a empresa diga isto pensando na opressão que determinados locais podem fazer o jogador sentir. E, é claro, apesar da aparente desolação, Silent Hill estará, assim espero, cheia de horrores à espreita.

As novas imagens e artes conceituais divulgadas para Silent Hill: Downpour são muito bonitas, e talvez como consequência do próprio nome do jogo e da idéia que os desenvolvedores têm em mente para o mesmo (downpour pode também significar aguaceiro), algumas delas mostram quedas d’água e chuva torrencial. Estará mesmo esta série que tanto horror (e ótimos momentos) nos fez sentir no passado retornando às origens? Teremos um novo Silent Hill em mãos que nos ofertará mais medo do que ação? Vamos torcer. 🙂

Enquanto isso, fique com mais algumas novas imagens do game:

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest