A briga dos “FPS’s de guerra” este ano vai ser boa. Mas, em minha opinião, Battlefield 3, da EA, vai ser, senão o “ganhador”, um concorrente extremamente forte a Modern Warfare 3. Um concorrente que fará uso de um motor que permitirá coisas fantásticas. Os diversos trailers divulgados até agora mostram que Battlefield 3 vai “chegar chegando”.  É óbvio que toda a beleza do título somente será visualizada em sua plenitude nos PC’s, mas mesmo assim, o game parece fenomenal.

Fantásticos trailers demonstrando o gameplay de BF3 já foram divulgados, incluindo uma partida multiplayer, e jogadores do mundo todo certamente devem estar extremamente ansiosos pelo título. A Electronic Arts acaba de anunciar a “Battlefield 3 Limited Edition“, e informa que as “pre-orders” do game já superaram em mais de 10 vezes as de Battlefield: Bad Company 2. Um romance chamado “Battlefield 3: The Russian” será lançado pela Orion Publishing juntamente com o jogo. A obra foi escrita por Andy McNab, ex-membro da SAS, com a ajuda de Peter Grimsdale, e conta a história do personagem Dima, de BF 3.

Além da edição Standard, portanto, agora sabemos também que haverá uma edição limitada deste aguardadíssimo jogo. Quem comprou o jogo durante o período de pré-venda em um dos vendedores parceiros da EA, já ganha a “Battlefield 3 Limited Edition” automaticamente, a qual inclui o DLC “Back to Karkand”, o qual será lançado separadamente após o lançamento do jogo.

Esse negócio de DLC’s serem anunciados antes mesmo do lançamento de um jogo é que não me soa bem. É impossível apagar a impressão de que se trata de algo removido do game para ser simplesmente vendido separadamente como algo novo, a um preço nem sempre convidativo. E neste caso, então, creio que se trata de um DLC que poderia ser oferecido gratuitamente a todos os jogadores. “Back to Karkand” é um pacote de expansão que conterá 4 dos mais famosos mapas de Battlefield 2, incluindo “Gulf of Oman”, “Strike at Karkand” e “Sharqi Peninsula”.  Todos, é claro, recriados com todo o poder da engine Frostbite 2. Este DLC também poderá ser adquirido separadamente, por “módicos” US$ 14,99.

Algumas lojas também estão oferecendo aos compradores da edição limitada de Battlefield 3 alguns outros itens extras, tais como, por exemplo, três armas exclusivas (uma metralhadora especial, um supressor de flash para o rifle de precisão SKS e munição especial para a shotgun semi-automática DAO-12), o “SPECACT Kit” (um conjunto com oito skins utilizáveis no modo multiplayer do jogo), etc.

Battlefield 3 será lançado em 25 de Outubro de 2011, para PC, Xbox 360 e Playstation 3. Não sei quanto a vocês, mas achei a “Battlefield 3 Limited Edition” fraquíssima. Onde estão os ítens “físicos”, por exemplo? E a trilha sonora? O Origin menciona também que os compradores da edição limitada poderão jogar com 48 horas de antecedência, e também receberão uma boina para Battlefield Play4Free. Sinceramente, não vejo motivo algum para alarde em cima desta edição limitada, e ela é realmente decepcionante.

De qualquer forma, Battlefield 3 será um jogo e tanto, e se tivermos opção, creio que a versão Standard está de bom tamanho. Bem que a Electronic Arts poderia ter criado uma edição especial melhor. Até mesmo mais itens distribuídos de forma digital, por exemplo, poderiam tornar esta edição bem tentadora. Veja a Assassin’s Creed Brotherhood Deluxe, por exemplo. Ela conta com diversos itens in-game, cards, mapa de Roma, os vídeos da série “Assassin’s Creed Lineage”, making-of, trilha sonora, etc. Muito tentadora.

A EA não poderia ter feito o mesmo? Para uma empresa que está lutando para aprimorar sua loja de games concorrente do Steam, uma edição limitada (digital ou não) repleta de bônus de um dos jogos mais aguardados do ano poderia ser algo muito vantajoso.

Pin It on Pinterest