Elite: Dangerous, em breve em um Xbox One perto (ou não) de você

A Frontier Developments anunciou durante a GDC 2015 que Elite: Dangerous será lançado ainda este ano para o Xbox One. Não pretendo adquirir o console da Microsoft tão cedo (pelo menos, isto é o que me passa pela cabeça neste momento).

Além do mais, o jogo está indo muito bem no PC. Bem demais, devo dizer, considerando o tempo escasso para dividir entre trabalho online e offline, além de diversas outras tarefas (também online e offline). Não nego, entretanto, que o tempo gasto com o jogo é extremamente prazeroso.

Elite: Dangerous

Você pode conferir mais detalhes a respeito do anúncio no Código Fonte.

Confesso que quando ouvi falar a respeito do anúncio fiquei com medo. Medo de que a desenvolvedora passasse a se dedicar mais, em algum momento, à versão de ED para o XONE, deixando um pouco de lado a versão para PC, a versão onde estão concentrados também os antigos fãs da série. A versão que estou jogando. Mas este deve ser um medo infundado, afinal de contas (assim espero).

Elite: Dangerous

Embora não tenha dito nada a este respeito, David Braben postou no fórum do jogo, e ali diz o seguinte (além de dizer que mais jogadores em mais plataformas significam mais recursos para o desenvolvimento, o que pode ajudar um pouco a acabar com os medos):

Também estou feliz em anunciar que os jogadores no PC, no Mac [sim, também haverá uma versão do título para OS X] e no Xbox One irão compartilhar a mesma narrativa abrangente e o mesmo estado da galáxia. Isto significa mais jogadores ainda contribuindo para as guerras, para as disputas pelo poder e para os Objetivos da Comunidade em toda a galáxia“.

Elite: Dangerous

Bem, este “pequeno” detalhe me lembrou de todos os (nossos?) sonhos a respeito de cross-platform, de quando ainda pensávamos em como seria bacana se o (felizmente) finado GFWL possibilitasse partidas em conjunto de jogadores no Xbox 360 e no PC, etc. Talvez nunca seja demais sonhar.

Elite: Dangerous

Mas acima de tudo, Elite: Dangerous está mais espetacular ainda. Ainda estou no aguardo da versão 1.2 (Wings), com todas as suas novidades, incluindo a tal da debug camera que permite a captura de screenshots sensacionais, com vistas externas da nave, e as novas espaçonaves (Fer-de-Lance e Vulture).

E nos últimos dias descobri um novo passatempo dentro do jogo. Aliás, é engraçado como quase tudo o que fazemos nele envolve a captura de screenshots. Elite: Dangerous meio que força o jogador a isto.

São tantas as novidades, as belezas, os assombros e os momentos encantadores que você acaba sentindo um desejo enorme de guardar tudo aquilo “para sempre” (me lembro de que o último jogo que me provocou sentimento similar foi Batman: Arkham City – sim, estou falando sobre aquele final dramático).

Elite: Dangerous

Enquanto jogo ED, capturo imagens de tudo, à todos os momentos, e é muito provável que eu tenha de realizar uma grande “limpeza” na pasta onde elas estão armazenada (ou não, talvez seja melhor as enviar para algum tipo de serviço de armazenamento na nuvem, quem sabe).

Mas voltando ao tal passatempo que mencionei acima, bem, agora fico sempre de olho nos mapas de cada sistema e/ou nos resultados de escaneamentos, a fim de encontrar, por exemplo, gigantes gasosos ou outros planetas com cinturões de asteroides ao redor. Isto para simplesmente chegar ali e “mergulhar” em fenomenais e lindíssimos oceanos de rochas (algumas imagens destes momentos estão neste post).

Elite: Dangerous

Também estou adorando rodear por algum tempo as belíssimas estações Ocellus do jogo e capturar imagens delas. Imagens próximas, bem de perto mesmo, obtidas após momentos arriscados, até, devido à proximidade e ao fato da nave ter sido “agarrada”.

Ontem, aliás, varri um sistema com mais de 30 corpos celestes, e pelo que entendo do jogo, fui o primeiro a escanear todos os astros do mesmo, ou seja, em breve o meu nome será atrelado àqueles planetas e estrelas, como o Comandante que os descobriu. Assim espero.

Ontem, também, encontrei outro belíssimo planeta earth-like. Veja abaixo mais algumas screenshots capturadas durante uma de minhas últimas sessões de jogo em Elite: Dangerous (clique para avançar):

Poderá gostar também

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Pin It on Pinterest