Michel Gagné pergunta: deve seu novo projeto ser um game?

Michel Gagné é um artista extremamente talentoso e inspirado. Talvez a indústria de games o conheça mais devido a seu trabalho no excelente side-scroller Insanely Twisted Shadow Planet (custando atualmente meros R$ 12,49 no Steam), mas o canadense também é responsável por diversos outros trabalhos.

Gagné já trabalhou em animações como Ratatouille, por exemplo, além de Star Wars: Clone WarsScooby DooMortal Kombat (filme, de 1995), e inúmeros outros trabalhos. O artista lançou há algum tempo atrás uma campanha no Kickstarter para a produção de uma animação baseada em seu mais recente projeto, uma graphic novel chamada The Saga of Rex.

A campanha foi finalizada com sucesso, um belíssimo vídeo foi produzido (o qual segue abaixo) e Gagné agora meio que pede ajuda à indústria de games e, claro, aos fãs e jogadores. Ele quer ter uma ideia melhor a respeito do que fazer daqui em diante. Deve seu novo projeto se transformar em um game?

Muitas pessoas sugeriram que eu transforme ‘The Saga of Rex’ em um videogame e, francamente, esta alternativa me agrada um pouco. Isto é algo no qual a indústria de games estaria interessada? Você gostaria de ver ‘The Saga of Rex’ como um jogo, com algumas cutscenes legais como a do curta atual? Na verdade, estou pensando que o curta-metragem pode ser a abertura cinemática“, disse Michel Gagné.

Confesso que fiquei extremamente entusiasmado quando recebi o press release da GAGNÉ International LLC, enviado pelo próprio artista. Ele ainda pede para compartilharmos o vídeo com os leitores e também para tentarmos enviar a ele todo e qualquer feedback recebido. Isto, segundo ele, o ajudará a decidir se The Saga of Rex será um filme ou um game.

Michel Gagné - The Saga of Rex

O vídeo é belíssimo. Independentemente do fato de não sabermos ainda se este projeto será realmente transformado em um filme, em uma graphic novel ou em um jogo eletrônico, tudo parece bastante interessante. Da mesma forma que Insanely Twisted Shadow Planet, temos, também, a presença de discos voadores.

Como personagem principal, porém, temos uma pequena raposa que é abduzida e enviada para um estranho mundo chamado Edernia, mundo este no qual então encontra uma criatura enigmática chamada Aven. Esta descrição pode parecer bastante pequena (e é, claro), mas o vídeo abaixo, com cerca de 5 minutos de duração, é belíssimo e fala muito mais que mil palavras. Sua trilha sonora, então, torna tudo mais encantador.

Confesso que adoraria jogar mais uma criação de Gagné, e o que vi em “The Saga of Rex: The Animated Film Project Pt. 1 – Abduction” me deixou extremamente entusiasmado. Não tenho dúvidas de que The Saga of Rex conseguirá todo o apoio que for necessário para sua transformação em um videogame (e, se assim for, espero que este chegue às principais plataformas do mercado).

Sinto também que um filme ou até mesmo uma graphic novel, aqui, é algo no qual devemos ficar de olho. Mas, acima de tudo, sinto que controlar o protagonista Rex em um mundo alienígena e misterioso repleto de segredos e, pelo que podemos depreender após assistir ao vídeo, repleto de similaridades com ITSP, é muito mais interessante e empolgante.

Atitude bastante diferente, esta, aliás. Além de simpática. Perguntar à indústria de games e aos fãs que destino deve ser dado a um projeto já iniciado. Perguntar que direção tomar, quais alvos almejar. É por essas e outras que sinto um carinho especial por artistas e desenvolvedores independentes.

E você, o que acha? Enquanto isso, assista à bela animação:

Poderá gostar também

2 Comments

  1. Bem interessante, muito bem feita a animação. E, sabendo dos “antecedentes” do cidadão, dá para botar fé num novo projeto de jogo!

    Reply

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Pin It on Pinterest