pirataO game “Call of Duty: Modern Warfare 2” indiscutivelmente é “super”. Super legal (aliás, é fantástico), vendeu algo em torno de 4,7 milhões de cópias só no primeiro dia, nos Estados Unidos e no Reino Unido (o que representou a fantástica cifra de 310 milhões de dólares em vendas em um dia) e já é considerado um dos maiores lançamentos da história, no tocante à indústria do entretenimento.

O jogo mais pirateado no PC e no Xbox 360

Em cinco dias, as vendas ao redor do mundo atingiram a estupenda cifra de 550 milhões de dólares, mas nem tudo são flores. O game também foi o mais pirateado do ano de 2009. Foram baixadas ilegalmente, até 27 de dezembro passado, quatro milhões e 100 mil cópias de Modern Warfare 2, versão para PC, desde seu lançamento, em 10 de novembro de 2009. Isto representa 600 mil cópias a menos do que as que foram vendidas no primeiro dia, nos EUA e UK. No Xbox 360 a pirataria também se fez presente, mas os números são bem menores: foram 970.000 mil cópias piratas de MW2 para o console da Microsoft.

E olhe que estamos falando aqui de um período de apenas 48 dias, ou seja, um mês e meio, mais ou menos. Especula-se que a Activision deixou de ganhar mais de 245 milhões de dólares, durante este período, considerando-se apenas a versão para PC do jogo. O Playstation 3 não aparece na lista, pois não é um console (pelo menos por enquanto) cujos games possam ser pirateados.

Quais os motivadores?

É claro que diversos fatores contribuíram para estes altos e nefastos números: o enorme sucesso do game após seu lançamento, a extrema ansiedade pré-lançamento, o enorme hype criado em torno do mesmo, a facilidade em se obter tais cópias ilegais e a alta disponibilidade das mesmas, dadas as enormes redes de geração e distribuição de conteúdo ilegal atualmente existentes.

É claro que muita gente que baixou o game de forma ilegal vai comprá-lo, um dia, pois muitas vezes um download ilegal funciona como um “demo à força”, principalmente devido ao fato da Infinity Ward não ter liberado nenhuma demo do game. Não estou aqui defendendo a pirataria, mas isto é um fato, infelizmente. Mas por outro lado, muitos, também (a grande maioria, em minha opinião), jamais irão comprar o game.

Finalizando

Bom, de qualquer forma, Modern Warfare 2 é o campeão no quesito “mais pirateado de 2009”, no PC e no Xbox 360. É interessante (e lamentável) também notar que, segundo o TorrentFreak, o número de downloads ilegais de MW2 para PC em 2009 é mais que o dobro do número alcançado pelo game mais pirateado de 2008: “Spore”.

Ah, e a título de curiosidade, “New Super Mario Bros.”, para o Nintendo Wii, foi o mais pirateado nesta plataforma em 2009, com 1.150.000 downloads ilegais.

Vale lembrar, entretanto, que a pirataria nem sempre está ligada somente a fatores monetários, e quase sempre estão envolvidos aí fatores culturais, acesso fácil a cópias ilegais versus dificuldade de acesso a demos oficiais, e muitas vezes uma mescla de alguns ou todos estes fatores juntos.

Se por um lado o fato de Modern Warfare 2 ter sido o game mais pirateado em 2009 é algo negativo, não se pode negar o estrondoso sucesso do título, também demonstrado pelos altos índices de downloads ilegais. É claro que, cada vez mais, em minha opinião, iremos nos deparar com novos estratagemas das desenvolvedoras evitando a ocorrência de fatos assim, o que acaba sempre penalizando o gamer que compra única e exclusivamente jogos originais.

Mas, o que se pode fazer? DRM e coisas do tipo são tecnologias com as quais ainda teremos de conviver por muito tempo, infelizmente.

(Via: IGN e TorrentFreak)

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest