A partir de agora assinantes Gold da Xbox Live no Brasil já podem utilizar o serviço Netflix através do console Xbox 360.  Filmes e programas de TV, por exemplo, já podem ser assistidos através do videogame.

É necessário, entretanto, além de uma assinatura Gold da Live, possuir uma “assinatura de transmissão ilimitada da Netflix“, além de realizar o download do respectivo aplicativo através do Xbox Marketplace. Vale lembrar também que a utilização da Netflix no Xbox 360 somente será possível após o último update em sua dashboard, update este que, diga-se de passagem, transformou a interface do console da Microsoft em algo belíssimo e extremamente intuitivo.

Estamos muito felizes em oferecer a Netflix na plataforma Xbox 360, pois os videogames estão entre os aparelhos mais populares utilizados por assinantes para assistir a programas de TV e a filmes da Netflix em suas TVs. Também estamos empolgados com os controles de gestos que o Kinect para Xbox 360 vai trazer aos assinantes Netflix“, disse Neil Hunt, da Netflix.

O serviço também está disponível a assinantes da Netflix que possuem um Xbox 360 no Chile, na Colômbia e no México. Esta possibilidade de utilizar o Kinect para utilizar o serviço no console também deve proporcionar uma experiência no mínimo curiosa. Dentre os recursos oferecidos, vale lembrar que após o final de cada título serão exibidos 3 títulos relacionados. Esta será uma interessante maneira de descobrirmos novos filmes, por exemplo.

Além disso, a parte inferior da tela durante a reprodução exibirá algumas informações bem interessantes, e isto inclui títulos relacionados, controle de legendas, definições de áudio, etc. O serviço também conta com suporte a transmissão em 720p e som Dolby Digital 5.1 Surround. É como eu já disse diversas vezes: a Microsoft deseja transformar o Xbox 360 em algo mais que um “simples” videogame. Pouco a pouco o console vai se transformando em uma verdadeira central multimídia.

Acredito que ainda não contamos com a opção de legendas em português (não testei o serviço ainda), mas não é de se duvidar que isto seja implementado em breve. O Xbox 360 já conta com diversos recursos sociais, incluindo acesso ao Twitter (se bem que a utilização do serviço no videogame seja bem complicada). Do jeito que as coisas estão caminhando rapidamente neste sentido, as palavras de Steve Ballmer não podem deixar de serem lembradas: “o Xbox não é um console de jogos“. Ballmer também disse o seguinte, nesta mesma ocasião: “O Xbox não é um console de jogos. O Xbox é uma central de entretenimento familiar. É um local para socializar. É um local para ver TV. “

De qualquer forma, não concordo totalmente com esta afirmação. O Xbox 360 é, sim, primariamente, um videogame. Se funções extras e não ligadas a jogos eletrônicos são a ele agregadas, estas fazem parte de um “pacote adicional” que tem por objetivo, além de inchar as contas bancárias das empresas envolvidas, fazer com que jogadores e possíveis compradores se sintam cada vez mais atraídos pelo equipamento. Isto sem contar com a comodidade representada pela presença destes recursos todos em um único “objeto”.

Mas vamos aguardar. Mais novidades chegarão, possivelmente em breve. E a Microsoft não pára de trabalhar. É clara sua intenção em aprimorar seu console cada vez mais. Para transformá-lo, quem sabe, no console de última geração mais utilizado no mundo. Se isto não ocorrer com o 360, quem sabe a MS não atinja este objetivo com seu sucessor? E isto também está ligado, em minha opinião, àquela minha ideia de que a próxima geração de consoles pode não ser totalmente focada na oferta melhores gráficos.

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest