Confesso que sou avesso a rótulos. Pelo menos em situações onde estes sejam utilizados para definir a qualidade ou não de qualquer obra. Entretanto, confesso também que fiquei extremamente surpreso com o fato de Zumba Fitness, jogo casual de dança para “Xbox 360 + Kinect”, “Playstation 3 + Move” e Nintendo Wii (lançado no final de 2010) ter derrubado Crysis 2, lançado em Março passado, na lista dos mais vendidos no Reino Unido (para a semana que terminou em 09 de Abril). Crysis 2 agora está na segunda posição, enquanto o título da Majesco ocupa a primeira.

Não que eu esteja desdenhando da qualidade de Zumba Fitness, mesmo porque nunca joguei o game nem tampouco possuo nenhum dos acessórios necessários para jogá-lo.  Aliás, confesso também que jamais o jogaria. O fato é que temos aqui 2 games totalmente diferentes, que representam categorias (epa, preciso tomar cuidado com rótulos) de gamers diferentes, ocupando altas posições em um ranking nas vendas.

Que atrativos teria Zumba Fitness, título com cerca de 5 meses de idade, para desbancar Crysis 2, lançado há menos de um mês? Parece que o “nicho” dos games casuais ganha cada vez mais força, e é mais do que claro que muitas pessoas que nunca tiveram contato com um videogame da atual geração, ou até mesmo gente que nunca sequer teve contato com um console, comprou o seu primeiro aparelho devido ao lançamento de acessórios tais como o Move e o Kinect, por exemplo.

Não sei exatamente qual a base de usuários destes dois sensores no momento, mas ela é grande, isto todos nós sabemos, e ainda vou mais longe e digo que a do Kinect é muito maior. Mas isto não é tão importante: o importante é o gigante Crysis 2, da Crytek, ter sido “deposto” de sua primeira posição por um game de dança. Não estou também aqui dizendo que a primeira ou a segunda posição querem dizer alguma coisa (pelo menos, para nós, meros jogadores). Aliás, Homefront está lá, na sexta posição, “segurando as pontas”. 🙂

Meu espanto aqui não é nem tanto devido aos números, às posições, etc. É em relação ao fato de que cada vez mais acredito que muita coisa tem de ser revista na indústria de games. A Crytek investiu pesado em marketing, e Crysis 2 certamente será um dos melhores games do ano. Digo isto por experiência própria, pois estou jogando o título e é impossível passarem-se 2-3 minutos sem que algo me deixe estupefato.

Mais o mesmo também poderia (ou pode) acontecer com Zumba Fitness e diversos outros games casuais, este ano. Os gamers não são mais os mesmos. Muitos “gamers casuais” acabam de entrar no “mercado”, comprando seus Kinects e seus Moves, e agora representam uma enorme massa de jogadores sem muitas pretensões, que mudará estatísticas e fará com que muita gente, talvez, pense duas vezes antes de decretar a morte de algo de forma impensada e antes do tempo (e sem razão), como fizeram com Homefront.

Talvez tudo isto seja bom, pois nos torna a todos mais exigentes e menos suscetíveis a reviews e opiniões alheias negativos quando em nosso íntimo estamos interessados no produto/game em questão. Zumba Fitness tem seu público, é claro. Crysis 2 também, é óbvio. É meio que impossível determinar quem joga um e/ou outro, quem exclui um e/ou outro de sua wishlist, etc. O fato é que estas estatísticas sempre nos mostram alguma coisa.

O que vejo agora é que muita gente pode e consegue se divertir com Crysis 2, mas muita gente também consegue se divertir com Zumba Fitness. E com diversos outros games que muitos gamers por aí jogariam na fogueira, se pudessem. Como já disseram, aliás, acessórios como o Kinect vão meio que mudar muitas coisas na indústria de games.  Aliás, por falar em Crysis 2, é notável como este jogo consegue oferecer uma experiência belíssima e não repetitiva, mesmo jogando-se dentro de uma única cidade. 🙂

Abaixo segue a lista dos mais vendidos no Reino Unido, ref. semana finalizada em 09 de Abril de 2011:

(Via: VG247)

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest