É, o Steam quer mesmo o nosso dinheiro. Além da THQ Week, que hoje colocou em promoção o game Frontlines: Fuel of War, um FPS desenvolvido pela Kaos Studios, hoje o site de distribuição digital de games mais amado pelos gamers do mundo todo iniciou sua de promoção em comemoração ao Halloween. Logo de cara topamos com Resident Evil 5 pela metade do preço. A mesma coisa acontece com Plants vs. Zombies. BioShock está saindo pela bagatela de US$ 4,99, e Devil May Cry 4 por US$ 9,99.

O mesmo desconto de 50% é aplicado em Dead Space, Team Fortress 2, Aliens vs. Predator e Left 4 Dead (1 e 2). É, a coisa não está fácil. Quer dizer, comprar é fácil, o difícil é pagar. Vale ressaltar que os descontos vão até o dia 01 de Novembro de 2010, portanto, temos aí mais 4 dias de promoção. Fantásticos games por preços muito legais, e todos tendo algo a ver com terror e coisas do gênero (sem contar com o Frontlines: Fuel of War, que está saindo por 3 dólares).

Me surpreendo sempre com a capacidade do Steam de nos “amarrar”. Com esta questão das promoções constantes e fenomenais. Poxa, quem esperava Metro 2033 por menos de 14 dólares, ontem? Ok, eu cheguei a mencionar o game no meu primeiro post sobre a THQ Week, e tinha uma pequena esperança de que ele fosse colocado em promoção. Mas, lá no fundo, duvidava muito de que ele fosse fazer parte das promoções. E não é que foi?

E temos de nos lembrar de que, além da promoção em comemoração ao Halloween, a THQ Week também vai até o dia 01 de Novembro. Até lá, muita gente vai gastar além da conta para pegar aquele game que, de repente, namora há tempos. É justamente esta uma das maiores graças, se podemos assim dizer, da promoção digital. A loja lança a promoção, você vai, se afunda compra, e o tempo de entrega não depende de caminhões, aviões ou correio. O tempo de entrega depende da qualidade de sua conexão à internet, além de outros fatores “eletrônicos”.

Distribuição digital e a sobrecarga que sofremos

A distribuição digital conseguiu agilizar algo que antes era moroso. Pintou um game que você gosta por um preço que cabe no seu bolso? Saque seu cartão, faça a compra e inicie o download logo em seguida. Rápido e simples assim (desde que não existam bloqueios por região, é claro).

Ah, Dark Fall: Lost Souls e Worms Reloaded também estão na lista. Haja tempo e dinheiro para tantos games, e isto me lembra de outro assunto: nossa velha (ok, nem tanto) discussão a respeito da sobrecarga provocada pelos games em nossa vida, em determinadas situações. O acesso fácil aos games hoje em dia, aliado a estas promoções “irresistíveis”, ajuda também a provocar uma certa sobrecarga sobre muitos de nós. O fato de tantos games estarem em promoção ao mesmo tempo, algo que ocorre constantemente, acaba fazendo com que muitas pessoas comprem games que, algumas vezes, serão jogados daqui a 1 ano ou mais. Isto se o forem.

A sobrecarga e a pressão, vamos dizer assim, que a enorme quantidade de games à disposição, muitos deles já em nossa posse, provoca, é ampliada pela enorme compulsão que sentimos ao nos depararmos com games fantásticos sendo vendidos a “preço de banana”. Não estou aqui criticando o Steam nem suas promoções: longe disso. Mas ocorre que muitas vezes compramos games apenas pelo preço. Já conheci gente que comprou games “da moda”, ou “do momento”, apenas devido à promoção, e sequer colocou os DVD’s dos mesmos nas bandejas de seus consoles, por mais de 1 ano.

Eu mesmo possuo em minha coleção games que jamais sequer instalei, muitos deles comprados nestas promoções. É óbvio que adoramos ser “agraciados” com estes mimos, pois ninguém pode negar o fato de que tudo isto que o Steam faz, por exemplo,é uma maneira de agradar a seus clientes e mantê-los sempre “presos”, de certa forma, ao seu serviço. Muita gente prefere esperar por promoções no Steam do que comprar o mesmo game em outra loja, em promoções também bacanas.

Aqui está o ponto onde o Steam ganha das demais lojas online de games, dos demais sites de distribuição digital de games: além de loja, ele é uma plataforma. Ele contribui para diminuir a pirataria. O serviço da Valve é uma enorme comunidade, composta por milhões de usuários que não a trocam por nada, e a utilizam não somente para jogar, mas para bater papo, participar de comunidades, conhecer novas pessoas, etc.

A grande sacada da Valve foi ter focado no “social” sem deixar de lado a questão comercial. E é por este motivo que hoje somos bombardeados com promoções fantásticas que são verdadeiramente irresistíveis. É claro que adoramos, mas, de qualquer forma, temos de ter muita cautela. Bem, mas qual é o gamer que nunca gastou além da conta?

E você, vai pegar algum dos games em oferta? Qual? 🙂

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest