O jogo The War of the Worlds foi anunciado pela Other Ocean Interactive em Junho passado. O título, que será lançado para Xbox 360 e Playstation 3 através da Xbox Live e da PSN, respectivamente, é baseado na obra de H.G. Wells. Ele será lançado até o final de 2011, e apresentará aos jogadores uma experiência cinematográfica em 2D.

Desenvolvido mediante licença da Paramount Digital Entertainment, The War of the Worlds trará uma visão diferente e mais sombria ainda de “A Guerra dos Mundos”. Tudo no jogo acontecerá em paralelo aos acontecimentos descritos no filme da década de 50, porém haverá a introdução de novos personagens e elementos, por exemplo. Histórias paralelas também farão parte do game, histórias estas, é claro, não existentes na obra original.

O jogo será, também, uma espécie de homenagem à era dos “cinematic platformers”, como por exemplo Prince of Persia, Out of this World, Flashback, etc. O protagonista do game é um homem chamado Arthur Clarke (olha só que bacana). Um cara comum, digamos. Um cidadão de Londres que foi pego de surpresa pela invasão alienígena e agora tem de salvar sua família, escapar e tentar se manter vivo. A ordem dos acontecimentos aqui pode variar, é claro, exceto o “se manter vivo”.

Clarke passará por diversos locais famosos de Londres e, pelo caminho, encontrará diversos perigos, incluindo drones alienígenas. The War of the Worlds contará com a narração de Patrick Stewart, ator muito conhecido também por sua atuação na série Star Trek, como o capitão Jean-Luc Picard. Este será provavelmente um jogo interessantíssimo, o qual contará com uma mistura de elementos de aventura e sobrevivência, além de um enredo bacana e gráficos muito bonitos.

O website de The War of the Worlds está no ar, e já conta com algum material. Creio que mais conteúdo será adicionado com o decorrer do tempo. No site do game, aliás, você pode conferir um “Dev Diary” do título, no qual os desenvolvedores falam um pouco a respeito do processo criativo do game, o qual, de certa forma, presta grande homenagem aos “side-scrolling platformers” que mencionei acima. Este “Dev Diary” também contém algumas cenas do game, e elas são fantásticas.

[Atualizado]: os problemas que me impediram, no momento da postagem, de incluir o vídeo aqui, já foram resolvidos. Portanto, eis o vídeo abaixo: 🙂

Link para o vídeo em 720p:

http://www.youtube.com/watch?v=jj9gyrlOFSA&hd=1

 

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest