E lá vou eu escrever novamente a respeito da Paradox Interactive, empresa que admiro bastante e que presta um apoio fenomenal ao XboxPlus. A publisher sueca anunciou hoje sua primeira parceria com uma desenvolvedora de games sul-americana. Trata-se da brasileira Critical Studio, localizada no Rio de Janeiro.

A Critical Studio foi fundada há pouco mais de um ano, e seu primeiro game será lançado mundialmente tendo a Paradox como publisher. O lançamento do jogo, cujo nome ainda não foi divulgado, está previsto para a segunda metade de 2012, e fico tentando imaginar que tipo de jogo ele será. O pessoal da Critical Studio menciona, aliás, que formaram a empresa para “criar os jogos ‘hardcore’ que eles gostam de jogar“.

Será que teremos aí um “grand strategy” game brasileiro? Um tower defense? A que gênero, digamos, pertencerá este primeiro lançamento da Critical Studio? Há algum tempo atrás estava conversando com o pessoal da equipe de PR da Paradox, e eles mencionaram que em breve eu receberia um comunicado a respeito de uma parceria prestes a ser firmada com uma equipe brasileira. E eis que hoje tenho a grata surpresa de receber o press release.

“Nós recebemos muitos projetos de aspirantes a desenvolvedores, mas a Critical Studio realmente se destacou com um excelente jogo e um plano de produção bem amarrado. Esse estúdio tem muita paixão e personalidade, e não temos dúvidas de que irão trazer algo muito especial para gamers de todo o mundo“, disse Mattias Lilja, Produtor Executivo da Paradox Interactive.

Belas palavras, não? É muito bacana saber que um time de desenvolvedores brasileiro conseguiu se destacar frente aos olhos de uma grande publisher, e melhor ainda é saber que o resultado desta parceria poderá ser conferido antes do final de 2012. Isto mostra mais uma vez que o Brasil também possui desenvolvedores talentosos. E, da mesma forma, além de talentosos, muitos deles contam com ideias sensacionais em suas mentes, ideias que estão somente aguardando uma pequena brecha para “ganharem o mundo”, os consoles e os PC’s dos jogadores. E, levando-se em consideração o portfolio da Paradox Interactive e seu foco em jogos para PC, creio que podemos aguardar por mais um jogo para esta plataforma, o que me deixa muito feliz.

Como muitos brasileiros, todos nós crescemos jogando e acreditamos que a nossa indústria não precisa se limitar a jogos casuais e de publicidade. Nosso objetivo com a Critical é criar os jogos que nós amamos. A Paradox tem muita experiência em trazer jogos de nicho com sucesso ao mercado, e definitivamente tem sido a escolha certa para o nosso projeto e para o nosso estúdio. Nós ficamos muito felizes quando eles se empolgaram tanto com o nosso jogo quanto nós“, disse Marcos Venturelli, game designer da Critical Studio.

Que beleza. Temos nas palavras de Marcos Venturelli meio que uma confirmação de que o título em questão estará dentro dos “parâmetros”, digamos, dos jogos produzidos/publicados pela Paradox, o que já era de se esperar, é claro. Estratégia, “4x games”, tower defense, etc. Talvez até mesmo um jogo de tiro, quem sabe? O fato é que temos aqui uma situação fantástica: uma empresa brasileira lançará seu game com o apoio da Paradox Interactive.

Também é mencionado que o projeto ainda está em seus primeiros estágios de desenvolvimento, e a Paradox Interactive espera anunciar mais detalhes a respeito do mesmo próximo à GDC 2012. Mal posso esperar. A Paradox é muito conhecida por seus jogos de estratégia profundos e imersivos. Jogos de estratégia, digamos, com “E” maiúsculo. Pride of Nations pode muito bem ser tomado como exemplo, aliás. Isto sem falar na sensacional série de RPGs de ação Mount & Blade, da Tale Worlds, cujo último título, Mount & Blade: With Fire & Sword, é realmente fantástico. Opa, será que o jogo da Critical Studio será um RPG?

Presente no mercado há mais de 10 anos, a empresa sueca sempre primou pelo desenvolvimento e/ou publicação de jogos profundos e dotados de altíssima qualidade. Franquias e títulos como Magicka, Majesty, Sword of  the Stars, Hearts of Iron, Europa Universalis e King Arthur – The Role-playing Wargame, por exemplo, deixam isto bem claro. Só o que sei é que vejo somente coisas bacanas sendo lançadas pela Paradox, e acredito que o pessoal da Critical Studio realizou uma fantástica parceria. Vamos agora aguardar por mais notícias. E boa sorte à Critical Studio.

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest