Por que John Carmack saiu da id Software?

Carmack

Em novembro do ano passado, publicamos aqui a notícia de que John Carmack havia deixado a id Sofware. A notícia foi uma grande surpresa, visto que Carmack é um dos fundadores da id e trabalhava por lá desde 1991. O motivo de sua saída não ficou bem esclarecido à época, mas cogitou-se que a nova função de diretor técnico da Oculus VR, cargo que assumiu em agosto passado, pudesse ter sobrecarregado seus projetos na id Software.

Recentemente, falando ao USA Today, Carmack forneceu maiores detalhes sobre o real motivo pelo qual abandonou o estúdio onde ajudou a criar alguns dos maiores clássicos de todos os tempos. O lendário programador teria proposto aos chefões da ZeniMax (que comprou a id Software em 2009) que Doom 4 e Wolfenstein: The New Order tivessem suporte nativo ao Oculus Rift. Tal proposta foi feita antes mesmo de Carmack assumir o cargo de diretor técnico da Oculus VR.

O problema é que os chefões da ZeniMax não gostaram da ideia e negaram apoio a iniciativa de Carmack. “Quando ficou claro que eu não teria a oportunidade de trabalhar com realidade virtual enquanto estivesse na id Software, eu decidi não renovar meu contrato”, diz ele. “[Se a proposta fosse aceita] eu estaria contente e provavelmente trabalhando lá com pessoas e com tecnologias que eu conheço”.

Carmack não foi o único funcionário com décadas de casa a deixar a id em 2013. Todd Hollenshead, que serviu como presidente do estúdio por 17 anos, também deixou a empresa no ano passado devido a mudanças impostas após a compra pela ZeniMax. Vale notar que Carmack era o último dos quatro co-fundadores que ainda trabalhava na desenvolvedora.

Os projetos atuais do estúdio incluem Doom 4, ainda sem data de lançamento, e Wolfenstein: The New Order, desenvolvido em conjunto com a MachineGames e que deve sair ainda este ano. Com a debandada de praticamente todos os grandes nomes do estúdio, é improvável que a id Software consiga manter o mesmo pioneirismo e inovação pela qual ficou conhecida nas últimas décadas.

Artur Carsten

Catarinense, amante da música eletrônica, estudante de medicina e jogador nas inexistentes horas vagas. Ocasionalmente, escreve artigos e coloca em dia a pilha interminável de jogos comprados em promoção no Steam. Já passou pelo Campo Minado, Continue, Guia do PC, Gemind e Oxygen e-Sports.

Twitter  

Poderá gostar também

1 Comment

  1. É certamente uma grande perda para a empresa.

    Reply

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Pin It on Pinterest