Costumo acompanhar com bastante ansiedade notícias a respeito de títulos que misturam tecnologias inovadoras e recentes. Tecnologias que, muitas vezes, mudam a maneira como enxergamos o mundo, como negociamos, como lidamos com outras pessoas.

Blockchain é algo para o qual cada vez mais olhos se voltam. As Bitcoins, por exemplo, com suas altas e baixas, bem como com as histórias diversas que a envolvem, deixam qualquer pessoa extremamente interessada, principalmente quando nos damos conta dos milionários que vez ou outra surgem, tendo ganhado rios de dinheiro com pouquíssimo investimento (casos raros, mas ainda assim dignos de nota).

Pois bem, tomei conhecimento recentemente de um projeto que relaciona todas estas tecnologias com o mundo dos jogos eletrônicos. Estou falando de Project Genesis (site oficial), título em desenvolvimento pela 8 Circuit Studios, o qual será um híbrido entre FPS (tiro em primeira pessoa) e combates espaciais em terceira pessoa.

Project Genesis

Project Genesis fará uso de Blockchain, mais precisamente da plataforma Ethereum e de sua moeda digital Ether, e permitirá que naves, armas e outros itens sejam transportados pelo jogador entre jogos da própria desenvolvedora, como por exemplo “Alien Arsenal: Battle for the Blockchain” (disponível para Android e iOS). Tudo perfeitamente “normal”, até aqui, não é mesmo?

O grande diferencial é que, utilizando a moeda Ether e a plataforma Ethereum, os recursos que o jogador obtiver serão seus para sempre, e ele poderá utilizá-los, então, em outros games, em outras aplicações, onde bem entender. Uma vez obtidos os recursos oriundos da venda de algum elemento in-game, por exemplo, eles passam a pertencer realmente ao jogador.

Em relação aos títulos da 8 Circuit Studios, mais precisamente a respeito de Project Genesis, os desenvolvedores mencionam que a Ethereum poderá ser utilizada em uma ampla variedade de transações, incluindo atualizações em naves, aquisição de cruzadores, megaestruturas verdadeiramente gigantescas e até mesmo em estações voltadas à terraformação.

Segundo o pessoal da 8 Circuit Studios, a Blockchain Ethereum será utilizada para garantir a propriedade dos assets digitais, por parte do jogador. Não sabemos ainda, entretanto, até que ponto isto tudo será ou não capaz de transformar o jogo em um “pay-to-win” ou algo similar (sinceramente, espero que não).

Project Genesis

O estúdio ainda menciona e reforça que dadas as características da tecnologia, itens poderão ser comercializados não apenas dentro de jogos desenvolvidos pelo mesmo, mas também entre jogos desenvolvidos por terceiros, o que deixa tudo mais interessante ainda. Pelo que podemos depreender, teremos um conjunto de assets para negociar e vender, e também seremos capazes de adquirir novos elementos, tudo através da tecnologia de Blockchain Ethereum e de sua moeda virtual Ether.

A empresa ainda reforça mais ainda, dizendo que os assets digitais serão de propriedade dos jogadores, tão logo estejam em suas mãos, ou em seus vaults. À partir daí, será possível fazer qualquer coisa com eles, qualquer coisa que esteja dentro das propriedades da tecnologia Blockchain envolvida. Bacana, não? A 8 Circuit Studios ainda menciona estar trabalhando em um conceito chamado “Metaverse”, para a transferência de itens entre jogos desenvolvidos por ela mesma (mais títulos estão no forno, vale a pena lembrar) e por alguns de seus parceiros.

A respeito de Project Genesis, como já dito acima, trata-se de um híbrido entre FPS (First Person Shooter) e combates espaciais (à bordo de naves e em terceira pessoas) situado em um universo persistente. O jogo permitirá que os jogadores pilotem naves espaciais as mais diversas, participando de movimentadas e perigosas batalhas, e também abordem naves inimigas, nelas se infiltrando, então, e participando de intensos combates em primeira pessoa (teríamos aqui, nestes momentos, um jogo de tiro em primeira pessoa, portanto).

Project Genesis

Project Genesis será perfeito para jogadores buscando por uma experiência que combina intensos jogos de tiro em primeira pessoa com combates espaciais em terceira pessoa. Será mais que apenas um space shooter, nós vamos impulsionar a experiência inteira através da integração da blockchain Ethereum – garantindo aos jogadores a capacidade de transportar ativos digitais que ganharem e adquirirem, como naves e armas, para dentro de outros games“, disse Terry Hammer, produtor da of 8 Circuit Studios.

Temos também de nos lembrar que uma vez dentro dos vaults dos jogadores, os assets poderão ser comercializados de diversas formas, formas estas até mesmo independentes do jogo em questão.

Em Project Genesis, os jogadores devem encarnar uma inteligência artificial que faz de tudo para salvar os últimos vestígios da raça humana. Combates espaciais furiosos e movimentados momentos de tiro em primeira pessoa são esperados. Naves poderão também serem aprimoradas, e naves inimigas poderão ser abordadas (sendo que a partir daí é que começará a ação em primeira pessoa).

Não sei quanto a vocês, mas Project Genesis me deixou bastante entusiasmado. A data de lançamento ainda não foi divulgada, mas fiquei sabendo que o título será lançado em algum momento em 2019. Quanto às plataformas, espere para PC e consoles.

Enquanto isso, fique com o trailer de anúncio do jogo:

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest