Como se sabe, RAGE foi disponibilizado ontem à noite, no Steam, para quem optou por sua versão para PC. O Youtube, antes disso, já contava com diversos vídeos de gameplay gravados por jogadores, os quais exibiam problemas no carregamento das texturas. Eu mesmo percebi este problema assim que comecei a jogar. Texturas iam aparecendo conforme eu apontava a câmera para diversos locais, o que é horrível.

Não existe também muito o que se possa fazer a respeito dos gráficos, nas configurações do jogo. A  NVIDIA, entretanto, ajudou um pouco a entendermos este “problema”, e divulgou uma possível solução para o mesmo. Segundo a empresa, esta falta de opções dentro do jogo é devida ao fato do game (tentar) ajustar dinamicamente o nível de detalhes dos gráficos, a todo momento, visando manter um balanço ideal entre performance e qualidade gráfica.

Será que teríamos aqui algum problema em relação às MegaTextures e à poderosa engine id Tech 5? De qualquer forma, todo PC gamer espera de RAGE gráficos fantásticos. Texturas com altíssima resolução. E observar falhas no carregamento das mesmas é, em minha opinião, uma tortura e tanto. A NVIDIA também não deixa de dizer, em outras palavras, que a id Software não fez nenhuma besteira nem tampouco “travou” a exibição de texturas em alta definição em RAGE. Ela também menciona a complexidade da  id Tech 5.

Bom, é meio difícil de se acreditar que um jogo com um hype tão grande, e cuja desenvolvedora fez tanto alarde a respeito de seus gráficos espetaculares, fosse chegar ao mercado com problemas que causassem desempenho inferior justamente na plataforma onde sua beleza poderá ser melhor apreciada. É claro que estou aqui também supondo algumas coisas. Creio que John Carmack e sua turma não cometeriam tamanha falha, mas nada é certo a este respeito, por enquanto. Entretanto, a própria NVIDIA menciona que pode haver problemas no sistema automático de balanceamento gráfico.

Assim sendo, a empresa publicou uma solução para o problema, a qual foi fornecida pelo usuário “angular graphics”, do fórum neogaf.com. Trata-se de um arquivo de configuração que deve ser criado com o nome de  rageconfig.cfg e inserido dentro da pasta “C:\Program Files\Steam\steamapps\common\rage\base”. Este arquivo deve conter o seguinte conteúdo:

vt_pageimagesizeuniquediffuseonly2 8192
vt_pageimagesizeuniquediffuseonly 8192
vt_pageimagesizeunique 8192
vt_pageimagesizevmtr 8192
vt_restart
vt_maxaniso 4
image_anisotropy 4

Você pode criar o arquivo rageconfig.cfg através de qualquer editor de texto, vale lembrar. Segundo tudo indica, o procedimento acima vai forçar o jogo a exibir as texturas em altas resoluções. As “8k textures”. Claro, nos sistemas capazes. O rageconfig.cfg irá “tomar a frente” do balanceamento automático. Após a realização do procedimento, confesso que percebi grandes melhoras nos gráficos (os quais são realmente belíssimos), e até mesmo o problema no carregamento das texturas diminuiu bastante.

Mas vamos também torcer para que a  id Software lance algum patch corrigindo este problema. Gravei um vídeo de gameplay de RAGE, também, o qual exibe inclusive seu belíssimo vídeo introdutório. Durante a gravação, procurei movimentar bastante a câmera, para testar o carregamento das texturas. Não está perfeito, ainda, mas melhorou bastante depois do rageconfig.cfg. Dê uma olhada abaixo:

Link para o vídeo em 720p:

http://www.youtube.com/watch?v=-wGBIbCiqbs&hd=1

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest