Snoopy Flying Ace é um game exclusivo para o Xbox 360. Desenvolvido pela Smart Bomb Interactive, o título está disponível na Xbox Live Arcade por apenas 800 Microsoft Points (10 dólares). Eu digo “apenas” pois este é um daqueles títulos que você baixa o demo, joga por alguns minutos e se surpreende: o game é sensacional. Repleto de elementos cômicos e sérios, digamos, ao mesmo tempo, Snoopy Flying Ace vale muito mais do que custa. O título é um item obrigatório no HD de qualquer Xbox 360 cujo dono aprecie games de combate aéreo com muita ação e belos gráficos, além de acrobacias sensacionais.

A Smart Bomb Interactive conseguiu unir o divertídissimo Snoopy e sua turma de amigos à primeira guerra mundial, em um XBLA que prima pela diversão em primeiro lugar, possuindo inclusive um modo multiplayer que é extremamente envolvente. Algo que parece, à primeira vista, impossível, foi conseguido pela desenvolvedora baseada em Salt Lake City: unir personagens cômicos à um dos períodos mais tristes da história mundial, criando um título que não carrega consigo nenhum sentimento e/ou impressão negativos, muito pelo contrário: você se diverte e ri bastante (além de passar muita raiva quando é abatido) ao jogar Snoopy Flying Ace.

Esta “mágica” foi alcançada pela Smart Bomb, e o que temos em mãos é um título que, apesar de um modo campanha não muito longo, proporciona enorme diversão e ainda conta com modos co-op e multiplayer local e online. Para quem aprecia games de combate aéreo e gosta de realizar acrobacias enquanto no ar, e também é fissurado na turna do Snoopy e possui uma queda por games que, de alguma forma, representem períodos da história mundial, Snoopy Flying Ace é um prato cheio.

História

Snoopy Flying Ace mostra a luta do Snoopy e sua turma contra Manfred von Richthofen, mais conhecido como Barão Vermelho e pertencente à Luftstreitkräfte alemã. O Barão vermelho, na realidade e no game, foi/é o “bam-bam-bam” quando o assunto é combate aéreo, e na vida real foi um dos melhores (ou piores, depende do ponto de vista) pilotos da primeira guerra mundial. O Barão Vermelho morreu em combate, durante a guerra, e até hoje existem controvérsias a respeito de quem o abateu.

No game, ele também é perigoso, e quando entra em cena a coisa esquenta. Um dos elementos mais curiosos neste título da Smart Bomb Interactive é o fato de que a turma do Snoopy entra em ação, também, de diversas formas. A coitada da Lucy, por exemplo, é uma oficial alemã, enquanto o Charlie Brown, como não poderia deixar de ser, pertence ao lado britânico. O Woodstock, aquele amiguinho inseparável do Snoopy, está sempre presente, e oferece dicas e ajuda valiosas ao Snoopy.

A história de Snoopy Flying Ace é esta, basicamente. O gameplay é todo ele repleto de elementos divertidos e empolgantes, além de muito realismo nos combates. Muita gente vê semelhanças entre este XBLA e Crimson Skies: High Road to Revenge, outro título de combates aéreos, lançado para o Xbox Original. Em relação a isto não posso comentar muita coisa, pois não joguei este último. Só o que posso afirmar é que a história deste sensacional exclusivo do Xbox 360 ajuda bastante ao jogador, e fornece elementos mais do que suficientes para prender o gamer em frente à TV por muitas horas.

Jogabilidade

A jogabilidade é muito simples e intuitiva. O que complica um pouco as coisas, algumas vezes, são as manobras. Muitas vezes você quer executar uma manobra e acaba executando outra, devido à utilização do mesmo botão para quatro manobras diferentes. A dificuldade também está presente no fato deste ser um game de combate aéreo que, apesar de parecer infantil, a princípio, faz com que percebamos que de infantil ele não tem nada (ou quase nada) muito rapidamente. Os controles são precisos e pilotar os antigos aviões não é lá muito fácil, principalmente no início. Nos primeiros momentos, você consegue perder o senso de direção e a noção de onde está o horizonte muito facilmente: quer coisa melhor em um game deste gênero? 🙂

O analógico esquerdo serve para pilotar, digamos. Através dele você controla o avião. O direito permite a execução de dois loopings diferentes. Mova o analógico direito rapidamente para cima e seu avião executará um looping simples. isto é muito útil caso algum inimigo esteja te perseguindo: você, após tal manobra, dependendo da situação, ficará logo atrás dele, podendo então descontar toda a sua raiva no dito cujo.

Agora, se você mover o analógico direito para baixo, executará uma manobra chamada “Split-S”, a qual, além do looping, inverte a direção para onde o avião está se movendo. Esta é extremamente útil, pois permite que você volte rapidamente para “pontos de interesse”, sem ter de manobrar lentamente seu avião. Através do “LT” você dispara a arma especial, sua arma secundária, e o “RT” serve para disparar a arma primária.

O “LB” serve para alternar entre as armas secundárias (o mesmo pode ser feito através do botão “B”), o “RB” permite que você dê uma espiadinha no que está atrás de você , o “A” aciona uma espécie de “turbo”, que oferece um impulso extremamente útil ao seu avião (limitado, porém recarregável), e movendo o analógico direito para a direita ou para a esquerda você faz com que seu avião execute giros para estas duas direções. Esta manobra também é muito útil, e em determinadas situações ajuda você a escapar dos mísseis inimigos.

Como eu disse, a dificuldade na jogabilidade de Snoopy Flying Ace não está nos controles em si, mas sim no “resultado”, na sua perícia como piloto. Por exemplo: cometa o erro de executar um Split-S próximo a alguma estrutura, montanha ou até mesmo em meio aos inimigos (ou aliados) e corra o risco de se chocar contra eles. Demora um certo tempo até conseguirmos dominar totalmente os controles e pilotar o avião corretamente, mas quando atingimos este “nível”, a coisa fica fora de série.

Vale lembrar que tanto a sua “energia vital”, o seu “sangue”, quanto o combustível extra para o turbo se regeneram/recarregam automaticamente: basta não ser atingido por nenhum tiro inimigo ou utilizar o turbo, respectivamente, por exemplo. E tudo isto pode ser acompanhado pelo radar, exibido constantemente no canto inferior direito da tela, o qual também exibe um “mapa” atualizado em tempo real, conforme você voa, bem como os inimigos (em vermelho) e os aliados (em verde).

Jogando Snoopy Flying Ace

Como digo algumas vezes nesta parte de meus reviews, em relação a alguns games, jogar Snoopy Flying Ace é delicioso. O game consegue proporcionar uma experiência tão rica ao gamer que é difícil deixar de jogá-lo enquanto não não o finalizarmos. E isto sem falar no multiplayer.

Pilotar os diversos aviões que vão sendo adicionados ao seu hangar, cada um deles com peso, poder de fogo e resistência diferentes (fatores que certamente influenciarão no seu desempenho), é algo extremamente gratificante, à medida que você vai se acostumando com os controles e com o esquema bem realista de pilotagem e combate. É possível a qualquer momento trocar de avião e armamento, bem como alterar alguns aspectos visuais dos aeroplanos. Muito interessante.

Durante os combates, se você trombar com algum avião, ou for atingido por algum tiro, por exemplo, o som permanece por alguns momentos meio que “abafado”, simulando o que ocorreria se você ouvisse uma grande explosão. Se voce é atingido ou bate contra algum objeto/avião, seu avião apresenta os danos de forma áudio-visual: você pode ouvir o motor falhando/engasgando e observar uma fumaça agourenta escapando do mesmo.

Seu armamento pode sofrer aquecimento excessivo, e quando isto acontece, ele simplesmente para de funcionar por algum tempo. Se isto ocorrer em momentos “críticos”, digamos, é hora de executar alguma manobra evasiva até que o armamento volte a operar corretamente.

A mira do avião apresenta quatro traços vermelhos quando você aponta para algum inimigo, e é delicioso perseguir os aviões dos asseclas do Barão Vermelho, utilizando o impulso, os loopings e muita perícia para acompanhá-los e despejar rajadas e mais rajadas de tiros nos mesmos (ou também utilizar sua arma secundária). Conforme você acerta os tiros nos inimigos, você percebe que seus aviões também sofrem os mesmos “problemas” que o seu: motores falhando, fumaça preta e um indicador da energia vital dos mesmos que vai sendo reduzido conforme você acerta mais tiros.

A munição de sua arma secundária, além disso, é ilimitada. Porém, ela acaba, de certa forma, e nestes momentos você deve aguardar até que ela seja recarregada. Isto pode ser facilmente acompanhado pelos mostradores exibidos no canto inferior esquerdo da tela. O número de inimigos (e de aliados, quando você não estiver sozinho) também é exibido na tela, na parte superior.

Existem momentos em  que você deve pousar o seu avião e assumir o controle de baterias anti-aéreas, ou seja, o game proporciona tanto experiências aéreas quanto terrestres. O simpático Woodstock vai dando dicas e conselhos durante todo o game, e até aquele barulhinho característico que ele faz pode-se ouvir, quando ele “fala”.

Você conta com uma grande variedade de armas, desde rajadas elétricas até mísseis que penetram nos aeroplanos inimigos, “aguardam” algum tempo e explodem logo em seguida, passando por armas químicas que causam muitos danos nos inimigos, projéteis que atravessam qualquer coisa, mísseis simples e teleguiados, núvens de minas aéreas, etc.

Gráficos e trilha sonora

Os gráficos de Snoopy Flying Ace são muito bonitos. Os aviões são muito detalhados, sendo possível visualizar até mesmo suas hélices em funcionamento, bem como as variações na rotação das mesmas conforme a velocidade. Conforme você pilota, é possível até mesmo observar a movimentação dos flaps e dos ailerons. Tudo é tão realista que quando você gira o avião para a esquerda, é possível observar o aileron esquerdo subindo e o direito baixando, e vice-versa.

Existem diversos locais que você pode “visitar”, durante as missões em Snoopy Flying Ace. Pilote sobre o deserto, sobre o oceano, sobre Paris, sobre ilhas e em cenários repletos de gelo, por exemplo, e perceba o enorme cuidado que a Smart Bomb Interactive teve em relação aos gráficos de seu game.

Ao voar sobre o oceano você consegue perceber as ondulações da água, e voar em meio a desfiladeiros oferece uma experiência e tanto: você sente a pressão que as paredes rochosas exercem sobre você. A pressão psicológica, o medo de bater, e também pode observar a qualidade das texturas.

Efeitos de iluminação e sombra muito bonitos, e o reflexo de seu avião passível de ser visualizado em diversos elementos do cenário, ajudam a tornar este título de combate aéreo um verdadeiro achado. Pilotar sobre a luminosa Paris, passar pelo meio da Torre Eiffel e dar rasantes sobre o Rio Sena é maravilhoso. Este cenário é um dos mais bonitos do game, aliás.

A trilha sonora tem tudo a ver com o game. Totalmente orquestral e imponente, passa de uma forma fantástica a impressão de estarmos no meio de uma guerra. Em muitos momentos, até, a música assume um ar meio que marcial, e algo muito engraçado, que vale ser ressaltado, é o fato de que quando você não finaliza uma missão, ou seja, quando não consegue atingir o objetivo, uma musiquinha típica do desenho animado é ouvida, talvez para que você não fique muito triste.

Outros modos de jogo

Você pode participar de movimentadas e super disputadas partidas multiplayer online, onde é possível escolher 6 tipos de modos de jogo diferente, desde “cada um por si” até batalhas de equipes contra equipes. Existe também um divertido modo de jogo chamado “Bola de futebol”. Este vou deixar vocês descobrirem e dizerem o que acham. 🙂

É muito fácil e rápido encontrar partidas disponíveis, as quais são sempre divertidas e cheias de “ases indomáveis”. Muitas vezes, você fica se perguntando: ” o que me atingiu, e de onde veio?”.

Conclusão

Snoopy Flying Ace é um título que vale mais do que 800 Microsoft Points, em minha opinião. O título possui um modo campanha fenomenal e um multiplayer sempre pronto e fácil de ser acessado. Pilotar aviões neste XBLA da Smart Bomb Interactive faz qualquer dono de um Xbox 360 se sentir extremamente feliz. Recomendo este game a todos. 🙂

P.S.: Snoopy Flying Ace possui legendas traduzidas para o português (de Portugal).

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest