Quando joguei o primeiro episódio de The Council, The Mad Ones, me surpreendi bastante pela mistura extremamente criativa que encontrei. Um adventure com fortíssimos elementos de RPG, com um protagonista que pode ser evoluído, com escolhas capazes de alterar drasticamente o desenrolar da trama, com um enredo e personagens extremamente bem construídos.

Agora, a desenvolvedora Big Bad Wolf nos brinda com um segundo episódio ainda mais brilhante. O episódio 2 de The Council, Hide and Seek, foi lançado no último dia 15 de Maio, e nos apresenta a mais mistérios, a mais dramas, a mais personagens carismáticos e misteriosos e, infelizmente, a menos ação.

The Council - Episode 2: Hide and Seek

Não se trata, entretanto, de demérito algum: o jogador apenas tem de ter mais paciência. Existem mais puzzles, mais diálogos, mais exploração, mais pesquisa, mais necessidade de leitura, e fica aqui mais uma vez um aviso: The Council é um jogo que possui uma quantidade enorme de diálogo.

De cartas que devem ser lidas e entendidas. De bilhetes. De livros. E tudo isto está em inglês: não existe suporte ao português. Portanto, se você não domina o idioma, é melhor ficar longe do título, por mais bacana que ele seja, e por mais recomendações que eu faça neste review.

Hide and Seek (ou esconde-esconde, no bom e velho português), é um episódio e tanto. Tudo começa durante o primeiro encontro entre Louis Mauras de Richet, filho da desaparecida Sarah de Richet, e o Lorde Mortimer, proprietário da ilha e da enorme mansão onde tudo acontece.

Mortimer tem inclusive uma missão para Louis, mas observe que tudo aqui depende da maneira como transcorrerá sua conversa com o personagem: é possível até que o personagem principal seja acusado de um crime. No meu caso, me transformei numa espécie de detetive.

The Council - Episode 2: Hide and Seek

Um crime horrível ocorreu na última noite. Elizabeth Adams, filha de John Adams, vice-presidente dos Estados Unidos, foi encontrada morta em seu quarto. De maneira horrível, brutal mesmo, e em uma cena repleta de caos e de elementos ligados ao ocultismo (há inclusive, posteriormente, uma menção a uma tentativa de exorcismo). Fui encarregado por Mortimer de descobrir o autor de tão brutal assassinato, portanto.

The Council - Episode 2: Hide and Seek

A partir daí, a busca por Sarah, mãe de Louis, se transforma em uma espécie de side-quest, side-quest esta que será mais adiante retomada com maior afinco. Começa então uma espécie de trabalho de detetive, com interrogatórios, investigações de ambientes os mais diversos (incluindo a cena do crime), etc.

É fácil notar desde o início que o ritmo está um pouco mais lento, tanto é que existem menos “confrontos”, da forma como os mencionei na análise do primeiro episódio (link aqui). É também digna de nota, infelizmente, a falta de cuidado da desenvolvedora com as animações faciais, sem falar na falta de sincronia entre as falas e as legendas, muitas vezes, o que pode acabar prejudicando um pouco a experiência caso seu inglês não esteja bastante afiado. Por outro lado, é muito legal observar os sotaques do francês Napoleão Bonaparte e do espanhol Manuel Godoy, por exemplo.

The Council - Episode 2: Hide and Seek

O episódio 2 de The Council mantém tudo aquilo que funcionou, obviamente, no episódio anterior: a evolução do protagonista, os Effort Points, os consumíveis, os manuscritos que devem ser equipados antes de cada quest e que concedem pontos extras em diversas habilidades, os diálogos profundos (e longos, muitas vezes), a trama e os personagens complexos, as variadas possibilidades de abordagem de cada situação, e, obviamente, o mistério.

Aqui, além disso, ficamos sabendo que Lorde Mortimer é alguém bastante influente. Ele é perspicaz, extremamente inteligente e sutil. Conforme avançamos na história, percebemos que seus braços se estendem bem além de sua ilha, e alcançam a Ásia, as Américas e o Oriente Médio, além da Europa.

The Council - Episode 2: Hide and Seek

Mortimer conspira para influenciar governos, inclusive, e possui contatos importantes e atuantes em diversas esferas, nas mais variadas nações. Ele possui também inúmeros segredos, alguns dos quais Louis começa a descobrir. Mortimer e seu Conselho representam muito mais do que parecem, e parece que existem negros tentáculos em atuação nas profundezas da mansão.

Sarah de Richet continua desaparecida, e seu filho Louis encontra cada vez mais problemas e mistérios relacionados a ela, incluindo menção a ciências ocultas e ao fornecimento de armas para governos estrangeiros.

Além disso, resultados nefastos de decisões inconsequentes podem ser jogados na cara do protagonista logo no início, dependendo da maneira como este agiu em relação à finada Elizabeth Adams, por exemplo. Você a ajudou quando ela buscou desesperadamente por socorro? Você a ignorou? Bem, talvez seja o momento de amargar um pouco de remorso.

The Council - Episode 2: Hide and Seek

Continua importantíssimo em Hide and Seek conhecer profundamente as pessoas com as quais iremos conversar. Leia seus dossiês. Saiba quais são seus pontos fortes. Descubra suas fragilidades, suas imunidades, e então explore tudo o que pode ser explorado no momento oportuno. Lembre-se: explorar vulnerabilidades abre opções extras nos diálogos, as quais são sempre muitíssimo bem vindas (e vale lembrar que muitos diálogos já contam com opções “normais” em enorme quantidade).

Existem também momentos no game em que, devido às riquíssimas possibilidades de escolha, podemos concluir conversas de maneiras bastante interessantes. Gastar Effort Points, por exemplo, ou então deixar que o interlocutor prossiga, finalizando com suas próprias conclusões e, ainda assim, nos deixando bem informados? Algo para se pensar, não? Além disso, devemos ser sempre bem atenciosos no que diz respeito às habilidades, às fragilidades e aos pontos fortes de cada personagem: forçar a barra nem sempre é uma boa, e pode levar ao encerramento de uma conversa antes rica em opções e detalhes.

The Council - Episode 2: Hide and Seek

Tudo parece estar interligado em The Council, e em Hide em Seek, este excelente segundo episódio, nos damos conta disso com ainda mais força. Personagens são pegos por Louis sussurrando pelos corredores, dedicatórias apaixonadas são encontradas em livros, bilhetes e cartas revelam informações extremamente úteis, e até mesmo um projeto em andamento, obra do anfitrião, é descoberto, o qual tem por objetivo colocar um líder mais forte no comando de uma determinada nação.

Durante os vários diálogos, pode acontecer de você se deparar com opções demarcadas com um cérebro: através destas, Louis pode fazer algumas considerações em pensamento, considerações estas que, é claro, são ouvidas apenas pelo jogador.

Tais opções, entretanto, apesar de utilíssimas, também gastam os Effort Points; portanto, é de suma importância observar todo o contexto, toda a situação e os personagens envolvidos, e decidir quais perguntas devem ser feitas ou não, quais considerações devem ser elaboradas ou não, quais ações devem ser tomadas ou não.

The Council - Episode 2: Hide and Seek

Nem só Mortimer, vale ressaltar, possui conexões com pessoas importantes. A Duquesa Emily Hillsborrow também possui ligações fortes com alguém ligado à coroa britânica, e este alguém chega a dizer que jamais será capaz de agradecer-lhe suficientemente por determinada ajuda no passado.

Em Hide and Seek existem mais puzzles, ao contrário do primeiro episódio, o qual continha apenas 1. Aqui, temos puzzles mais elaborados, e puzzles que requerem a leitura de bastante texto, incluindo trechos da Bíblia. A mitologia grega também aparece com força, estando presente no último dos quebra-cabeças, e neste momento começa a jornada para um final realmente surpreendente. Mas me adianto um pouco aqui.

Neste segundo episódio de The Council percebemos mais ainda como os traços de personalidade são importantes. Como as habilidades desbloqueadas são importantes. Diversas vezes nos deparamos com opções durante os diálogos que parecem pontos de partida para discussões mais interessantes e/ou acaloradas e, caso não estejamos suficientemente evoluídos, bem, o desapontamento pode ser bem grande, sem falar no prejuízo ao gameplay como um todo (você pode dar mais voltas, digamos, e deixar de se deparar com nuances que talvez revelassem mais a respeito da situação em questão).

The Council - Episode 2: Hide and Seek

Tudo isto pode representar também uma faca de dois gumes, que fique bem claro. Por exemplo, utilizar Effort Points para abrir estojos pode ser bom ou não, e se o resultado for negativo, você poderá se ver em maus lençóis caso seus pontos estejam acabando. Um exemplo bem rápido: abrir um estojo gastando dois Effort Points esperando descobrir alguma carta contendo algo importante e descobrir que tudo o que ali havia eram consumíveis dos quais você já estava abarrotado pode acabar sendo um tanto quanto desnorteador, não?

A atuação de todos os personagens continua muito boa, e é sempre muito bom prestar atenção em suas reações. Eles gaguejam, titubeiam, parecem hesitar, e é realmente um espetáculo observar como conseguiram mesclar um adventure com um RPG.

The Council - Episode 2: Hide and Seek

Agora vamos ao final do segundo episódio. Trata-se de um verdadeiro soco no estômago, ligado a vários elementos com os quais lidamos no decorrer do gameplay: ocultismo, personagens misteriosos, dramas. Confesso que percebi rapidamente ser aquele o final de Hide and Seek quando me deparei com a cena: era muita emoção e muita loucura, algo que não poderia deixar de ser aproveitado como gancho para o próximo episódio.

The Council - Episode 2: Hide and Seek

Quando este final chega, você é pego de surpresa. Você se assusta. As visões de Louis voltam à nossa mente (ele tem outra pouquíssimos minutos antes), e nos perguntamos como tal fato pode estar ocorrendo, em um campo onde até poucos minutos atrás tínhamos plena certeza de que o chão era firme.

Ficha técnica

Título: The Council – Episode 2: Hide and Seek

Gênero: aventura, RPG

Desenvolvedora: Big Bad Wolf

Publisher: Focus Home Interactive

Data de lançamento: 15 de Maio de 2018

Plataformas: Xbox One, PlayStation 4, PC

Versão analisada: PC

The Council – Episode 2: Hide and Seek é um episódio imperdível. Mais profundo, mais amplo, mais desafiador (embora mais lento – em grande parte devido à grande quantidade de diálogos) e repleto de mistérios. Jogue o quanto antes, se puder.

Pin It on Pinterest