Sai hoje o resultado do leilão da THQ – Sega está na “jogada”

Como todos sabem, a THQ pediu concordata, o processo de venda da empresa passou por problemas e, infelizmente, a empresa teve de ser vendida aos pedaços. O leilão da empresa foi realizado ontem, 22 de Janeiro de 2012, e hoje o resultado deverá ser divulgado.

Diversos rumores já circulam por aí, e segundo eles a Sega já é dona da Relic Entertainment (Warhammer 40K: Dawn of War, Company of Heroes e outros). Um funcionário da Relic chegou a mencionar também a EA (tristeza), a Ubisoft e a Warner Bros dentre as empresas participantes do leilão e possíveis compradoras de estúdios e franquias.

Rumores também mencionam o fato de que South Park: The Stick, da Obsidian, tem grandes chances de pertencer à Ubisoft. A Volition, responsável pelas séries Saints Row e Red Faction, passaria para as mãos da Koch Media, proprietária da Deep Silver (Dead Island).

Tudo isto é bem triste, na verdade. Não nego que fico bastante preocupado com a presença da Electronic Arts neste “bolo” todo, principalmente levando em consideração suas práticas abusivas (além da Síndrome de EA) e a maneira como ela geralmente lida com os estúdios que adquire (sem falar no “respeito” que ela tem para com seus clientes). Em relação à Sega e à Ubisoft não tenho tantos receios.

De qualquer forma, não deixa de ser triste observar uma grande, famosa e importante publisher como a THQ sendo literalmente fatiada e exposta desta forma, como um mero pedaço de carne em um açougue. Ok, negócios são negócios, mas muitos jogadores criam bastante simpatia (ou inimizade, em alguns casos) pelas desenvolvedoras e publishers das franquias que amam, e assim, esta caminhada da THQ rumo ao buraco foi algo muito ruim para muita gente.

Como uma espécie de prêmio de consolação, porém (pelo menos para quem está de fora – e não que isto vá mudar alguma coisa), vale destacar que Alex Peters, ex-chefão da Relic (e que também já trabalhou na DICE e na EA), arranjou um novo emprego. Ele agora é vice-presidente de produção na Activision (é, nem tudo é perfeito).

Fica ainda a dúvida em relação a quem realmente comprou o que, o que as compradoras farão com franquias e estúdios que adquiriram e, principalmente, o que a EA abocanhou. Ainda estamos caminhando na área dos rumores, mas uma certeza pelo menos todos temos: muita gente perdeu ou vai perder seu emprego, seja agora, seja lá na frente, principalmente quem cair nas mãos da EA. O resultado do leilão sai hoje à tarde.

Fico me perguntando se tudo isto poderia ter sido evitado caso o uDraw tivesse sido um sucesso. Infelizmente, e como eu previa, o Humble THQ Bundle não salvou a THQ. Vigil Games, Volition, Saints Row, Red Faction, Company of Heroes e Homefront: séries e games que mudarão de casa e até mesmo, quem sabe, correrão o risco de desaparecerem e/ou serem modificados de maneiras não  lá muito de acordo com o que temos visto até hoje.

Metro Last Light: será este game lançado algum dia, aliás, apesar de muitos dizerem que sim? Vale lembrar que a THQ não era dona da franquia, portanto, ainda existe esperança. Um dos grandes perigos aqui, também, é a enorme oportunidade para a criação de mais corporações gigantescas. Publishers enormes, monopólio, etc.

Grandes e diferentes franquias nas mãos de cada vez menos empresas. Onde irá parar este nosso mundo dos games?

Poderá gostar também

11 Comments

  1. Opa, SEGA dona da Relic?! Gostei! Ela já publica a franquia Total War e agora como mais uma desenvolvedora de RTS de alta qualidade, vai ficar bem interessante.

    Quanto ao resto, na verdade, não indo nada parar nas mãos da Electronic Arts, tá perfeito.

    Reply
    • @Artur Carsten,

      Eu também…hehehehe E realmente, a EA ficando com nada ou pouca coisa, já está bom. Se bem que até mesmo esse “pouca coisa” dá medo, em se tratando dela…hehehe

      Reply
  2. Notícia triste sim, mas como disse, são negócios. Minha preocupação maior e acredito que seja de muitos fans da série é com Darksiders. Temo mesmo que a EA coloque suas garras nele e o jogo acabe por se tornar caça níquel no lugar de ser divertido e instigante. O que resta é esperar que com o passar das horas saiam as notícias que podem ser boas ou ruins para nós gamers.

    Reply
    • @Zero Absoluto

      É verdade. Poxa, e ainda existiam planos para mais Darksiders, né? 🙁

      Se a EA colocar as mãos na franquia, vai vir multiplayer, etc. Vai ser triste pra caramba. Vamos ver o que vai acontecer. Mas tudo isso é bem triste, com certeza.

      Reply
  3. Quando vi q a Relic foi parar nas mãos da Sega tbm fiquei mais aliviado. Mas dizem q a Games Workshop é meio chata pra liberar suas licenças então talvez demore um pouco mais pra sair o Dawn of War 3.

    A EA acho q só fica como publisher de Homefront que ficou com a Crytek. Espero q pelo menos lancem no Steam. Ver como todo mundo tava preocupado da EA pegar algo bom chegar a ser engraçado, ninguem gosta dela 😀

    Reply
    • @Anderson

      Hum, aí complica, né? Mas é engraçado mesmo, isso que você mencionou. A EA deveria prestar atenção nessas reações e mudar de atitude. Se bem que, também, ela continua ganhando lá seus milhões e milhões, mesmo assim, então deve pensar: “Em time que está ganhando, não se mexe”. Só vamos esperar pra ver até quando vai o fôlego desse tal “time”…hehehehe 🙂

      Olha, também acredito que Homefront deva ficar com a EA.

      Reply
  4. @Anderson

    Cara, pode parecer estranho mas eu gosto da EA. 😛
    O motivo? Bom, eu concordo quando o povo reclama das práticas mercenárias* da EA e tal mas por outro lado ela faz vários jogos bem legais e pra mim é isso q conta. Só ano passado por exemplo, tivemos Warp e KoA entre outros q não tô lembrado.
    Sou um cara mto ligado ao “selo” das empresas. Se eu gosto de um jogo, automaticamente eu passo a gostar da desenvolvedora e publicadora. Um exemplo é a Sega, alguns anos atrás ng gostava dela tb mas vários jogos q ela lançava eu gostava. Na época eu era o “do contra” mas hj todo mundo gosta da Sega (eu acho). Quem sabe a EA dê a volta por cima tb daki alguns anos? (sei lá né?)

    *sem contar q a EA não é a única a fazer cagadas né? Ela pode fazer “mais” cagadas q os outros, mas tem empresas q fazem coisas q dá mto + raiva do q a EA e o povo não fala nada… [imho]

    Reply
    • @Lucas Vinícius,

      Deixa eu me intrometer na conversa…rsrsrs 🙂

      Lucas, concordo que muitas vezes o pessoal já olha pra EA com preconceito e de cara feia. Eu mesmo sou assim…rsrs Mas é que ela já fez muita besteira, e essa que o Anderson mencionou, no último comentário, foi dose. 🙁

      Mas realmente, muitas outras publishers fazem coisas ruins, e não são tão massacradas. Eu jogo títulos da EA. Muitas vezes “obrigado”, como no caso de Mass Effect, e outras por gostar mesmo, como FIFA. Temos também de tentar separar as coisas. É difícil, mas, fazer o que.

      Mas ninguém pode negar que a EA é uma das que mais ferram com o mercado, ainda mais no que diz respeito ao PC. Olha só besteira que vão fazer com o Dead Space 3 no PC.

      Abração! 🙂

      Reply
  5. Fora não terem os jogos na Steam nunca tive maiores problemas com a EA. Mas parece q quando ela faz besteira é sempre de forma épica pro povo não esquecer. Li q agora ela ta banindo gente q não reporta bugs. Oficialmente vc é diferente de um cheater pra ela 😀
    ” If you know about a Bug or have heard about a Bug and fail to report the Bug to EA, we reserve the right to treat you no differently from someone who abuses the Bug. ”

    Em tempo, link com os valores da venda da THQ, pelo visto ate a Bethesda tentou
    http://www.thesangreal.net/gafpics/results.pdf

    Reply

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Pin It on Pinterest