Recebi um e-mail do suporte técnico da Trion Worlds alertando a respeito de uma invasão de seres de outros planos a Telara. Bom, isso acontece com frequência no MMORPG. Brincadeiras à parte, o e-mail avisa a respeito de um acesso não autorizado a um banco de dados de Rift.

Segundo a desenvolvedora, o banco de dados em questão continha informações dos jogadores como, por exemplo, usernames, senhas criptografadas, datas de nascimento, e-mails, endereço de cobrança, o primeiro e os quatro últimos dígitos dos números dos cartões de crédito dos clientes e a data de validade dos mesmos. Isto, aliás, me lembrou de imediato a recente invasão ocorrida no Steam.

Não há evidência, e nós não temos razão para acreditar, que informações completas de cartões de crédito foram acessadas ou comprometidas de qualquer forma. Nós já tomamos medidas adicionais para reforçar nossos sistemas, e juntamente com especialistas em segurança, continuamos a investigar a extensão do acesso não autorizado“, diz um trecho do e-mail.

A Trion Worlds também menciona que todos os usuários serão forçados a trocarem suas senhas (o que é algo sempre recomendável nestes casos), e que os “Autenticadores móveis” terão também de ser reconectados (no caso de usuários que os utilizem). Questões de segurança  também terão de ser alteradas, vale lembrar.

Da mesma forma que a Valve, a Trion Worlds também recomenda que todos os usuários fiquem de olho na atividade de suas contas. Como um “prêmio”, todos os jogadores de Rift ganharão 3 dias extras de jogo, tão logo alterem suas senhas e questões de segurança. Um item “in-game” também será concedido: trata-se do Moneybags’ Purse, item que dá uma ajudinha nos saques.

Parece mesmo que a internet será sempre uma terra de ninguém, pelo menos no tocante às brechas de segurança e à exploração das mesmas por indivíduos mal intencionados. Brechas jamais deixarão de existir, é claro, e gente disposta a explorá-las nunca faltará. Punições até podem ocorrer, é claro, dependendo da situação, das empresas e indivíduos envolvidos, dos danos, etc; mas é sempre muito difícil.

Este recente caso da “invasão de Rift” não é muito diferente da “invasão do Steam”, se desconsiderarmos o tamanho e as áreas de atuação de ambas as empresas. Da mesma maneira, jogadores/clientes agora têm de conviver com o medo de, algum dia, abrirem as faturas de seus cartões de crédito e se depararem com gastos que não realizaram, quem sabe.

Infelizmente somos obrigados a conviver, no meio dos jogos online, com diversos problemas, e por mais segurança e precaução que tenhamos em relação às nossas senhas e dispositivos de acesso, o “outro lado”, ou seja, a empresa e seus servidores, sempre são muito mais expostos e visados. Aliás, todos sabemos que sistema algum é inquebrável, e este conhecimento talvez fosse o suficiente para, em outros tempos, manter todas as pessoas isoladas em seus PCs, sem acesso algum à internet. É claro que esta seria uma situação utópica e não condizente com nossas necessidades e anseios atuais. Se assim agíssemos, sofreríamos muito mais, e o tal mundo online talvez seja para sempre um território repleto de zonas e seres “escuros”.

Mas casos como estes, da invasão dos bancos de dados de Rift e do Steam, para não mencionar o apagão da PSN, se tornam cada vez mais comuns, e a única resposta que os usuários podem esperar das empresas que tiveram seus servidores invadidos é esta mesmo. Um aviso (quando muito), um pedido de desculpas, alguns brindes, virtuais ou não, e só. Nada de garantias, e isto está até mesmo devidamente previsto nos respectivos termos de serviço. Os Termos de Uso da Trion Worlds dizem o seguinte, na cláusula 4:

Embora utilizemos esforços razoáveis para proteger suas informações pessoais, transmissões na ou através da internet e informações pessoais armazenadas em nossos servidores ou nos servidores de terceiros que utilizamos, [os servidores] são vulneráveis a ataques e sua segurança não pode ser garantida“.

É mais do que claro que nenhuma empresa que atue nesta área e em áreas semelhantes pode garantir este tipo de coisa, e isto nos leva, infelizmente, a uma triste realidade: estamos todos à mercê dos invasores. De indivíduos mal intencionados que muitas vezes podem causar estragos tremendos não somente a um indivíduo em especial, mas à própria imagem de uma empresa e de seus produtos.

Se você joga Rift, não se esqueça de seguir as dicas de segurança fornecidas pela Trion Worlds. É o que nos resta, infelizmente.

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest