SOL: Exodus é um jogo desenvolvido pela Seamless Entertainment, desenvolvedora independente localizada no Texas. Trata-se de um título interessantíssimo, além de bonito, o qual muita gente vê como uma espécie de Wing Commander moderno. SOL: Exodus é um jogo delicioso de se jogar, e apresenta desafios e belezas que podem fazer com que os fãs de shooters espaciais percam a noção do tempo.

O título da Seamless Entertainment conta com um enredo muito interessante, e em diversos momentos temos a sensação de estarmos jogando um simulador, tamanha a qualidade dos gráficos, da narrativa, da jogabilidade e do próprio estilo da espaçonave que pilotamos, a qual inclusive conta com um sistema de trava para a mira e canhões extremamente poderosos, além de um radar que indica a posição de inimigos e aliados, além de diversos outros itens necessários durante cada missão.

Em SOL: Exodus, a Terra se tornou imprópria à vida ao redor do ano 2500, o que forçou a humanidade a abandonar seu planeta natal e procurar refúgio em outros locais do sistema solar. Entretanto, misteriosamente, o Sol entra em colapso, o que causa enorme caos nas diversas colônias humanas. Os homens, então, se viram forçados a buscar por um novo lar, e uma busca desesperada e longa foi iniciada.

Esta é a premissa para um jogo de combate espacial muito bacana, o qual nos oferece grande liberdade dentro de nossos cockpits. Com perspectiva em primeira pessoa, pilotar, seja durante combates, seja durante outros tipos de missões, é um prazer enorme. A quantidade de inimigos em muitos combates chega a ser assustadora, e não é difícil se perder em meio a um emaranhado de naves e asteroides.

O jogador conta também com a ajuda de CASSI, a qual é uma espécie de inteligência artificial que fornece diversos conselhos úteis durante as batalhas, dentre outras coisas. CASSI também possui uma “personalidade” muito interessante, e consegue detectar, em alguns momentos, se o piloto está dizendo algo carregado de sarcasmo, por exemplo.

Cada encontro com inimigos é uma experiência e tanto, pois você se verá cercado, muitas vezes, de diversos tipos de naves hostis. Dominar perfeitamente os controles de sua nave, e pilotar como se ela fosse uma extensão de seu corpo, é essencial para se dar bem durante as missões, pois apesar de ser possível travar a mira nas naves inimigas, por exemplo, um tiro pode ser disparado em vão se você não apertar o gatilho no momento certo.

Os inimigos são extremamente ágeis, e vale lembrar que suas armas podem sobreaquecer, o que as torna inoperantes por alguns segundos. Além disso, o recurso afterburner, que fornece maior velocidade a você, também pode precisar de um “descanso” muito frequentemente. Isto tudo acaba fazendo com que o jogador tenha de pensar bastante durante cada combate, e não simplesmente sair atirando para todos os lados.

Também é possível destruir naves gigantescas “simplesmente” descobrindo seus pontos fracos, e para isto, é necessário hackear seus sistemas. SOL: Exodus é mais um exemplo de um jogo extremamente barato, bem feito e criativo, que oferece uma experiência extremamente cativante e desafiadora. Isto sem falar em seus gráficos, os quais são muito bonitos e podem fazer com que jogadores apaixonados pelo espaço sintam ainda mais vontade de jogá-lo.

Se aproximar rapidamente de um asteroide ou de uma gigantesca nave, passar por entre espaços apertados e realizar manobras arriscadas durante batalhas repletas de inimigos são experiências muito emocionantes. O foco na “experiência espacial” é muito grande, em SOL: Exodus, apesar de diversos NPCs conversarem com o protagonista antes, durante e após cada missão.

É possível até mesmo ouvir palavras de descontentamento vindas de diversos personagens caso suas ações não surtam o efeito esperado. SOL: Exodus é mais um ótimo jogo que chega ao PC. Um jogo ambientado na vastidão do espaço. Dê uma olhada no trailer de lançamento do game:

Link para o vídeo em 720p:

http://www.youtube.com/watch?v=nvDqFUmznXg&hd=1

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest