O indie game Super Meat Boy, da Team Meat, título que será lançado tanto para PC, através do Steam, quanto para o Xbox 360, através da Xbox Live, receberá DLC’s gratuitos que não passarão pelo processo de aprovação da Microsoft, o qual, diga-se de passagem, é um tanto quanto “complicado”. Ocorre que através de um sistema embutido no próprio game, os desenvolvedores serão capazes de “enviar” novos níveis a Super Meat Boy, diretamente.

Todos estes novos níveis serão desenvolvidos através de um editor de níveis contido no XBLA, e isto foi o bastante para que a Microsoft liberasse a disponibilização de pacotes de expansão para o jogo sem que seja necessário que estes passem pelo processo de aprovação de conteúdo da Xbox Live.

Trata-se de algo totalmente inusitado, e espero que mais desenvolvedores sigam este caminho, e que a Microsoft mantenha tal liberalidade. Segundo Tommy Refenes, da Team Meat, a Microsoft não se mostrou resistente aos métodos diferentes de sua empresa. Ainda segundo Refenes, a Microsoft deseja que todos os desenvolvedores utilizem o serviço (Xbox Live) de forma tal que seu trabalho seja destacado.

É claro que este tipo de coisa pode ocasionar problemas, caso a Microsoft não mantenha uma certa vigilância sobre o que os desenvolvedores estão fazendo. Mas, acima de tudo, isto demonstra que existem maneiras muito interessantes para a disponibilização de conteúdo extra para games, utilizando ferramentas in-game que, se usadas com cautela e criatividade, podem dar novo fôlego a qualquer game, a qualquer hora.

(Via: gamesindustry.biz)

Pin It on Pinterest