Desde as primeiras notícias a respeito de Rift, algo me dizia que este MMORPG daria muito o que falar. O jogo é ótimo, e sua desenvolvedora, a californiana Trion Worlds, está sempre implementando novidades no título e sonhando bem alto. Recentemente, foi lançado o Rift Mobile, um aplicativo gratuito para iOS e Android que permite que os jogadores permaneçam “meio conectados” a Telara mesmo quando não se encontram em frente a seus computadores. Chats e notificações são alguns do recursos da app.

A empresa também anunciou recentemente que Rift atingiu a marca de 1 milhão de contas ativas em quatro meses, e que as receitas oriundas da América do Norte e da Europa ultrapassaram 100 milhões de dólares; fico tentando imaginar quais seriam os números ao considerarmos o mundo inteiro. Enquanto isso, World of Warcraft perdeu 1,8 milhões de assinantes em um ano, e conta agora com cerca de 10,2 milhões de assinantes ativos. Será que os jogadores de WoW estão cansados do MMORPG da Blizzard? Poderia a expansão Mists of Pandaria ajudar? Talvez sim, talvez não. Quem sabe?

De qualquer forma, voltando a Rift, a Trion Worlds firmou um acordo com a Shanda Games, grande desenvolvedora e publisher chinesa especializada em jogos online. Tal acordo tem por objetivo o lançamento de Rift na terra de Mao Tsé-Tung, e a parceria firmada entre as duas empresas prevê inclusive a localização do game, ou seja, os chineses poderão participar de aventuras em Telara através de um título totalmente traduzido para o Chinês/Mandarim.

É claro que a China, assim como outros países da Ásia, representa um mercado fantástico para este tipo de jogo, e não posso deixar de mencionar que vejo grande influência da Blizzard e de World of Warcraft neste importante passo dado pela Trion Worlds. Claro: boas ideias e negócios de sucesso sempre podem servir de inspiração para outras empresas e pessoas. Nada contra.

Nossa colaboração com a Shanda é um grande passo para games premium ocidentais na China, e estamos orgulhosos pela Trion estar na vanguarda, estabelecendo um padrão mais uma vez. O apetite por grandes, novas e originais experiências de jogo como Rift, que rompem os paradigmas existentes a respeito de jogos tradicionais, é universal. A Shanda, com um histórico comprovado de localização e entrega de conteúdo, é a melhor publisher para que a Trion possa oferecer aos jogadores na China uma experiência Rift autêntica“, disse Lars Buttler, fundador e CEO da Trion Worlds.

Todos sabemos que o povo asiático possui grande apreço por MMOs e similares, e não é de se duvidar que a base de assinantes de Rift cresça absurdamente após seu lançamento na China. O jogo é moderno, interessante, dinâmico, conta com eventos e atualizações constantes, e além disso é ambientado em um mundo repleto de eventos fantásticos, além de possuir um pano de fundo sensacional. Creio que os chineses irão gostar muito do jogo, aliás.

É impossível não nos surpreendermos com o sucesso de Rift, jogo que foi lançado em 01 de Março de 2011, ou seja, não possui nem um ano de existência. Sua criadora ainda fala em “expansão acelerada na Ásia”, e não entra em maiores detalhes a respeito. Estaria a empresa se referindo apenas à China ou em breve receberemos a notícia do lançamento de Rift em mais algum país do Oriente?

Estamos encantados por trazer Rift, o aclamado e premiado título da Trion Worlds, para a China. Rift oferece um mundo de aventura online com fantástico conteúdo dinâmico e gráficos impressionantes, e atraiu muitos fãs leais no mundo todo. Com base em nossa experiência e conhecimento do mercado cninês, estamos animados com o iminente lançamento de Rift para nosso amplo público de jogadores, e temos confiança no sucesso de Rift na China“, disse Mr. Alan Tan, presidente e CEO da Shanda Games.

Juntamente com este anúncio, a desenvolvedora de Rift anunciou seus planos de lançamento de uma iniciativa que incluirá tanto uma plataforma para consumidores quanto uma grande plataforma de desenvolvimento e publicação. O projeto se chama, por enquanto, Red Door, e será lançado até o final de 2012. Não foram divulgados mais detalhes a respeito, entretanto.

Mais detalhes a respeito do lançamento de Rift na China serão divulgados em breve, segundo a Trion Worlds, e será muito interessante observar como o jogo se sairá neste enorme mercado sempre ávido por jogos online. Aliás, será muito interessante, daqui para a frente, observar o desempenho de Rift no mundo inteiro. Enquanto a EA brinca com seus clientes, bane contas de jogadores de Star Wars: The Old Republic sem qualquer necessidade e não libera o jogo para o mundo inteiro, outras empresas caminham justamente no sentido oposto, e crescem de forma mais do que merecida.

Aliás, vale lembrar que você pode jogar Rift gratuitamente, até o nível 20, através do Rift Lite.

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest