From Dust é um game muito bom. Entretanto, sua beleza foi manchada pelo DRM da Ubisoft. A gigante francesa deu uma aliviada, e agora “apenas” um login online é necessário. Todas as vezes em que o game for iniciado. Isto depois de pessoal da própria Ubisoft ter dito que From Dust não conteria este DRM, e que seria necessário realizar apenas uma única ativação online (o tópico no fórum da empresa foi deletado, é claro). Uma única vez.

Nada disto foi cumprido, e o que sabemos é que From Dust exige, sim, que o gamer realize login sempre que iniciar o jogo. A Ubisoft prometeu remover esta exigência ridícula dentro de 2 semanas, mas mesmo assim já solicitou que a Valve reembolse todos aqueles que compraram o game e se sentiram, digamos, irritados com a necessidade de conexão à internet sempre que iniciarem o game. Ok, depois do login o jogador pode continuar jogando, mesmo desconectado. Mas ele não poderá iniciar o jogo se estiver sem internet no momento.

Segundo o site Rock, Paper, Shotgun, entretanto, tudo isto se baseia em relatos de alguns de seus leitores. Estas pessoas enviaram ao site inclusive um e-mail que, supostamente, teriam recebido do Steam, o qual diz o seguinte:

A Ubisoft acaba de anunciar que está trabalhando em um patch que eliminará a necessidade de qualquer autenticação online para From Dust. O patch será lançado em aproximadamente duas semanas.

Se você não deseja esperar pelo patch ou se você não jogou o game ainda, a pedido da Ubisoft, nós emitiremos um reembolso para este título.

Se você ainda quer ter sua compra de From Dust reembolsada, por favor, responda a este ticket.

Mesmo sem confirmação, acredito que tudo seja verdade. O impacto negativo iniciado por mais um DRM da Ubisoft, mais uma vez, foi enorme. Será que ela está aprendendo? Espero também que o tal patch, quando lançado para a versão PC de From Dust, não somente elimine este nefasto DRM, mas também introduza no mesmo diversas coisas que ele precisa.

Relatos de que se trata de um port para PC mal feito podem ser encontrados nos mais diversos fóruns. Menciona-se por aí que o jogo não possui melhoria gráfica alguma em relação à versão para PC. Não existe nenhuma opção para darmos uma modificada nos gráficos, não existe antialiasing, e existem até mesmo relatos de que o jogo está “travado” em 30 FPS. Triste.

Parece que a Ubisoft possui pouco ou nenhum interesse em cativar os jogadores no PC. Espero, entretanto, que tudo isto sirva como um aviso à desenvolvedora de Assassin’s Creed. Que ela aprenda de uma vez por todas que não é uma boa ideia tratar compradores como “pirateiros”.

Poderá gostar também

Pin It on Pinterest